Avaí encara o Juventude, na Serra Gaúcha, para confirmar a boa fase

Leão da Ilha duela com o Juventude no estádio Alfredo Jaconi para confirmar a boa fase; Avaí soma quatro vitórias nos últimos seis jogos

O Avaí entra em campo nesta terça-feira (20), diante do Juventude, em Caxias do Sul, em duelo válido pela 17ª rodada da Série B 2020. O Leão da Ilha, que vive seu melhor momento na competição – e quiçá no ano – encara um adversário direto no bloco de cima da classificação.

Luan Silva, volante do Avaí; mais uma cria da base no Leão da Ilha que deve começar o confronto contra o Juventude, em duelo direto pelo G4 – Foto: Leandro Boeira/Avaí FC

É o típico duelo que mostra o porquê de uma fórmula de disputa, em pontos corridos, ser resumida como “38 finais”. Com campanhas semelhantes, Juventude e Avaí jogam no estádio Alfredo Jaconi a partir das 19h15.

Enquanto o Jaconero ocupa a 5ª posição com 24 pontos, três atrás do G4, o Avaí  tem 23 e é 7º na tabela.

Apesar dessa semelhança que passa pelo saldo de gols (2 x -1) e até pelo número de cartões amarelos (42 x 42), os momentos recentes são opostos.

Enquanto o Leão da Ilha vem de três jogos de invencibilidade, além de quatro vitórias nas últimas seis vezes que entrou em campo, os gaúchos empataram duas e perderam uma, recentemente. Nos últimos seis jogos foram apenas duas vitórias.

Avaí com desfalques e retornos

O Avaí embarcou, de ônibus, até a Serra Gaúcha com desfalques na equipe. Atacante Rômulo, que vinha se firmando, testou positivo para o novo coronavírus. O atleta é o quinto caso ativo no elenco e, segundo o clube, o atleta está cumprindo seu período de isolamento.

Alan Costa, zagueiro do Avaí, que deve ser titular nesta terça-feira – Foto: Leandro Boeira/Avaí FC

O zagueiro Eduardo Kunde, os volantes Leandrinho e Jean Martim, além do atacante Jonathan, que está se recuperando de uma lesão ligamentar, são os outros jogadores “encostados” devido a Covid-19.

A lista de desfalques foi aumentada com as ausências do zagueiro Rafael Pereira, suspenso, além de Iury, com um problema na mão. Felipe, na lateral e Betão, na zaga, devem ser os substitutos.

Quem deve aparecer como titular em sua primeira chance na função é o volante Luan Silva. No empate diante do CSA, Luan até foi titular mas teve que atuar improvisado na lateral-esquerda. Dessa vez o jovem que, está desde os 15 anos no Sul da Ilha, vai jogar na sua função de origem, ao lado do experiente Ralf.

Adversário pressionado

Apesar da boa campanha até aqui na Segundona o time do técnico Pintado recebe o Leão da Ilha, dentro da sua casa, de maneira pressionada. Ainda que o treinador não esteja ameaçado o cargo, o Juventude vem de dois empates e uma derrota sendo que, o revés, foi para o Brasil-RS dentro do Jaconi.

O time, que perdeu de vencer o Cruzeiro em Belo Horizonte – Renato Cajá perdeu um pênalti e o jogo terminou 0 a 0 – deve ter mudanças. Volante João Paulo e o meia Wagner são desfalques certos por estarem suspensos.

O zagueiro Wellington, com dores depois do duelo em Minas Gerais, deve ser poupado.

Além do Avaí nesta terça, o Juventude tem o Figueirense no final de semana. A sequência segue com o Grêmio, no meio da outra semana, em duelo válido pelas oitavas de final da Copa do Brasil.

FICHA TÉCNICA

Juventude: Marcelo Carné; Wellignton Silva, Augusto, Nery Bareiro e Eltinho; Gabriel Bispo, Gustavo Buchecha, Capixaba, Cajá e Breno; Dalberto. Técnico: Pintado.

Avaí: Frigeri; Felipe, Betão, Alan Costa e João Lucas; Ralf, Luan Silva, Valdívia e Pedro Castro; Getúlio e Gastón. Técnico: Geninho.

Local: estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul (RS). Data: 20/10/20. Hora: 19h15.

Arbitragem: Grazianni Maciel Rocha (RJ); auxiliado por Luiz Claudio Ragazone (RJ) e Carlos Henrique Cardoso de Souza (RJ).

+

Avaí