Avaí faz jogo de seis pontos contra líder Chapecoense, nesta quinta-feira (11), em Tubarão

Leão precisa da vitória para encostar na ponta e continuar com chances de conquistar título do turno

Com o novo regulamento do Catarinense, onde os campeões de cada turno se enfrentam na decisão, o Avaí trata o duelo desta quinta-feira (11) com a líder Chapecoense, no Aníbal Costa, em Tubarão, como fundamental para ainda tentar buscar o título deste primeiro turno.

Marco Santiago/ND

Sem William, suspenso, ataque do Avaí deve ser formado por Tauã (à esq.) e Romulo

Com uma derrota do Leão, o time do Oeste abriria seis pontos da equipe do Sul da Ilha e, com apenas mais cinco rodadas no turno, o técnico avaiano, Raul Cabral, acredita que seria muito difícil alcançar o Verdão.

“Acredito que seja um divisor de águas na questão do turno, porque se a gente perder o jogo, a Chapecoense abre seis pontos de vantagem e vai ser difícil conseguir alcançá-los. Então, é um jogo de seis pontos”, avaliou o treinador azurra.

Sem poder contar com William, suspenso, e com João Filipe, poupado novamente com um problema na coxa esquerda, Cabral deve apenas substituir as peças e manter o mesmo esquema tático que vem utilizando nos últimos jogos, o 4-2-3-1.

Iury e Tauã, que já jogaram como atacantes de referência, são as opções do treinador avaiano para a vaga do camisa nove, além do próprio Romulo, que também já fez essa função na base e pode ser deslocado para o setor.

“A ideia é partir de um modelo de jogo que a gente vem utilizando. Não vou querer inventar moda na questão do sistema tático. A ideia é manter o padrão, ver os atletas que melhor que se encaixam dentro do modelo que estamos trabalhando para a gente ver o melhor encaixe para a equipe sair jogando’, explicou.

O comandante azurra, no entanto, reconhece o favoritismo da Chapecoense. O Verdão do Oeste não terá o zagueiro Neto, expulso no último jogo contra o Guarani. Rafael Lima formará a dupla de zaga com William Thiego, que volta de suspensão no lugar de Marcelo. Na lateral direita, com Gimenez lesionado, o volante Gil será improvisado no setor e Josimar entra para recompor o meio campo. 

 “A equipe deles é experiente, manteve a base do ano passado, se reforçou em algumas posições, perdeu atletas importantes, mas a gente sabe que era considerada a favorita no início da competição por ter mantido essa base forte”, avaliou Cabral.

Segundo Cabral, desgaste por jogos longe da Ressacada deve estourar em partida com Joinville

Para o treinador Raul Cabral, os mandos de campo fora da Ressacada – que passa por uma reforma no gramado – devem pesar na condição física do time apenas para o próximo compromisso, contra o Joinville, domingo, na Arena.

“Acho que a carga de trabalho vai estourar lá em Joinville, no jogo de domingo. O maior problema de a gente não estar jogando na Ressacada, é a questão dos deslocamentos. A gente tem jogado duas, três partidas por semana. Quando se joga em casa o desgaste é menor, não tem a questão da viagem. Depois do jogo, devemos chegar tarde de Tubarão, teremos pouco tempo para descansar e já vamos viajar de novo para enfrentar o Joinville”, ponderou o comandante azurra.

O Avaí só volta a jogar na Ressacada na sexta rodada, contra o Brusque, no dia 20, quando a reforma do gramado já deve estar concluída. O clássico com o Figueirense, no dia 24, também está confirmado para o estádio azurra. 

Ficha técnica

Local: estádio Aníbal Costa, em Tubarão. Data: 11/02/2016. Horário: 19h. Arbitragem: Leandro Messina Perrone, auxiliado por Carlos Berkenbrock e Thiago Americano Labes.

Avaí

Renan; Renato, André, Gabriel, Vitor Costa; Judson, Caio César, Rafinha, Diego Jardel; Romulo e Iury (Tauã). Técnico: Raul Cabral.

Chapecoense

Danilo; Gil, Rafael Lima, Willian Thiego e Dener; Josimar, Cleber Santana, Lucas Gomes, Maranhão e Ananias; Bruno Rangel. Técnico: Guto Ferreira. 

Participe do grupo e receba as principais notícias
do esporte de Santa Catarina e do Brasil na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Avaí

Loading...