Com Valdívia a disposição, Avaí faz “final” contra o América; veja

Avaí encara o América-MG, em Belo Horizonte, em jogo quentíssimo válido pela última rodada da Série B; Leão precisa da vitória e outros dois resultados paralelos

O Avaí joga suas fichas nesta sexta-feira (29), em jogo válido pela última rodada da Série B. O Leão da Ilha, com chance matemática de acesso, precisa vencer o seu jogo diante do América, em Minas Gerais e torcer para que CSA e Juventude não pontuem em seus respectivos duelos. Todos os três jogos estão marcados para às 21h30.

Treino do Avaí, em Minas Gerais; decisão nesta sexta-feira – Foto: Carlos Alberto Ferreira/Avaí FCTreino do Avaí, em Minas Gerais; decisão nesta sexta-feira – Foto: Carlos Alberto Ferreira/Avaí FC

Há chance. E enquanto há chance, não esmorecer. É mais ou menos essa a linhagem do futebol que, apesar de diariamente desconstruir teses, é rodeados de clichês como esse.

Mas o fato é o Avaí, com 55 pontos, é 6º colocado e tem três menos que o Juventude, o atual time credenciado a subir à Série A. O time caxiense será adversário do Guarani, em Campinas (SP).

O CSA, outro interessado, encara o Náutico, no estádio dos Aflitos. Ao contrário do Leão da Ilha que encara um adversário vivo na competição – disputa a título da competição com a Chapecoense – o time de Alagoas e de Caxias do Sul irão jogar diante de dois times “em férias”.

Claudinei Oliveira

O técnico Claudinei Oliveira afirmou nesta quinta-feira sobre o que se espera do Avaí no Independência. Com chances remotas de acesso, o clube catarinense quer fazer sua parte para, quem sabe, terminar entre os quatro primeiros colocados.

“Jogo importantíssimo. Inegavelmente, o América teve o melhor ano entre os times da Série B. É uma equipe difícil. Vamos enfrentar um grande adversário, mas nossa equipe vem mostrando uma grande evolução. Esperamos ser melhores do que o América neste próximo jogo para fazermos a nossa parte”, declarou o treinador.

Para o duelo, Claudinei Oliveira poderá contar com o retorno de Valdívia, recuperado da Covid-19.

“Valdívia é um jogador magro, que não tem problema de peso. Não será um problema nessa parada (por causa da covid-19). Contamos com ele no jogo. Vamos utilizá-lo da melhor maneira possível por ser uma peça importante para essa partida”, afirmou.

Avaí está de volta ao Avaí após o período de isolamento – Foto: Divulgação / Avaí FCAvaí está de volta ao Avaí após o período de isolamento – Foto: Divulgação / Avaí FC

Por outro lado, o treinador não poderá contar com o experiente Edílson, que foi expulso na vitória sobre o Guarani, por 2 a 1, na última rodada. Iury deverá ser escalado. A outra opção seria improvisar Alemão no setor.

Edilson, inclusive, está com a delegação avaiana, em Belo Horizonte.

“A entrada do Alemão nos daria uma linha de quatro mais segura. Já com Iury tem uma dinâmica boa, segue bem na linha de fundo. O Renato eu não considero, as outras duas são válidas. Vamos observar e tomar a decisão um pouco antes do jogo”, finalizou.

Reforço na meta do Coelho

Desfalque nas últimas rodadas por conta de uma lesão muscular sofrida antes da partida contra o Botafogo-SP, no dia 15 de janeiro, Matheus Cavichioli pode retomar a titularidade no América-MG nesta sexta-feira. O goleiro está recuperado do problema na coxa direita e à disposição de Lisca para o jogo contra o Avaí

Ficha técnica

Avaí: Glédson; Iury, Fagner Alemão, Betão e João Lucas; Pedro Castro, Ralf e Renato; Vinícius Leite (Valdivia), Getúlio e Romulo. Técnico: Claudinei Oliveira

América-MG: Matheus Cavichioli; Daniel Borges, Anderson, Messias, João Paulo (Sávio); Zé Ricardo, Juninho, Alê; Felipe Azevedo, Ademir e Rodolfo. Técnico: Lisca

Local: estádio da Ressacada, em Florianópolis (SC). Data: 28/01/21. Hora: 21h30.

Arbitragem: O responsável por apitar a partida será Flavio Rodrigues de Souza (SP). Auxiliado por Miguel Cataneo Ribeiro da Costa (SP) e Evandro de Melo Lima (SP)

+

Avaí