Confira 5 motivos para acreditar na vitória do Avaí no clássico desta quinta-feira

Leão da Ilha encara o Figueirense nesta quinta-feira (20) valendo o título da Recopa Catarinense em 2022

Avaí e Figueirense se enfrentam no primeiro clássico do ano nesta quinta-feira (20). O duelo, que carrega quase que uma centenária rivalidade, tem um peso especial: vale o título da Recopa Catarinense de 2022 e, claro, uma taça diante do maior rival.

Bruno Silva e Claudinei Oliveira: dupla afiada do Leão para o clássico de logo mais – Foto: Leandro Boeira/Avaí F.CBruno Silva e Claudinei Oliveira: dupla afiada do Leão para o clássico de logo mais – Foto: Leandro Boeira/Avaí F.C

Com isso, o ND+ separou cinco motivos para você, torcedor Azurra, acreditar na conquista do Leão da Ilha nesta quinta-feira. Confira:

1 – Manutenção da base da equipe e do técnico

O Avaí manteve a base da equipe titular que terminou o ano de 2021 com a conquista do título do Campeonato Catarinense e o acesso à Série A do Campeonato Brasileiro.

Da equipe considerada titular, apenas Edilson, Diego Renan e Getúlio não permanecem no Leão da Ilha para a atual temporada. Jean Cléber, se recuperando de lesão, não deve atuar nesta quinta-feira.

Getúlio deixou o Avaí e deve acertar com o Vasco – Foto: Frederico Tadeu/Avaí F.CGetúlio deixou o Avaí e deve acertar com o Vasco – Foto: Frederico Tadeu/Avaí F.C

Outro ponto para a equipe Azurra é a manutenção do técnico Claudinei Oliveira. O comandante já conhece o elenco e tem novas peças para encaixar em seu sistema de jogo.

2 – Fator casa

O Leão da Ilha terá o fator casa como aliado na decisão desta quinta-feira. A tendência é que a Ressacada receba bom público. Outro ponto importante é que a equipe Azurra não perde para o rival jogando no Sul da Ilha desde setembro de 2018, ainda pela Série B do Brasileirão.

3 – Realidades distintas

As equipes vivem realidades opostas dentro de campo. Enquanto o Avaí manteve a base da equipe que conquistou o acesso e se prepara para uma Série A de Campeonato Brasileiro, o Alvinegro tenta deixar a Série C e viver dias melhores em uma das maiores crises de sua história.

4 – Defesa forte

Se o ataque em alguns momentos deixou a desejar, o setor defensivo do Avaí foi um dos fatores positivos durante a temporada 2021. A equipe teve a sexta melhor defesa da Segundona, com 35 gols sofridos em 38 jogos, menos de um por partida.

O “interminável” Betão segue em alta para 2022 – Foto: Leandro Boeira/Avaí F.CO “interminável” Betão segue em alta para 2022 – Foto: Leandro Boeira/Avaí F.C

Com Glédson, Alemão e Betão, Claudinei Oliveira tem uma base sólida já visando a atual temporada.

5 – Título inédito

A Recopa Catarinense seria um título inédito para a galeria de troféus do Leão. Em 2020 a equipe Azurra “bateu na trave” ao perder a final contra o Brusque, em plena Ressacada, na estreia do técnico português Augusto Inácio.

Participe do grupo e receba as principais notícias
do esporte de Santa Catarina e do Brasil na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Avaí

Loading...