Fábio Machado

fabio.machado@ndmais.com.br Rotina, contratações e análise dos jogos dos clubes catarinenses. A história do futebol no Estado é resgatada com postagens que relembram os títulos e jogadores que marcaram Santa Catarina.


Copa do Brasil: olho no adversário e olho na grana

Competição pode aliviar caixas dos clubes em um estadual deficitário

GRANA

A Copa do Brasil virou o “pote de ouro” das equipes brasileiras. Serve para os times que lutam pelo título (o campeão pode levar R$ 70 milhões), assim como serve para os times que apenas entram em campo para ir o mais longe que puder. É muita grana envolvida e o valor recebido pode aliviar algumas folhas de pagamento em tempos de campeonatos estaduais deficitários. Portanto, que a dupla Avaí e Figueirense entrem em campo amanhã na estreia desta competição de olho na bola e no generoso **cofre.

**

Se o Avaí passar para a segunda fase, garante quase R$ 2 milhões.  Se conseguir a proeza de ser eliminado pela Real Ariquemes, volta pra casa R$ 920 mil pela sua participação. 

Se o Figueirense for eliminado, retorna para o Scarpelli com R$ 525 mil. Se passar de fase garante mais R$ 625 mil. 

Equipes conheceram adversários na Copa do Brasil na noite desta quinta-feira - Lucas Figueiredo/CBF
Copa do Brasil 2019. Competição com boa premiação para aliviar o finaciero dos clubes – Lucas Figueiredo/CBF

Participe do grupo e receba as principais notícias
do esporte de Santa Catarina e do Brasil na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
Loading...