Fábio Machado

fabio.machado@ndmais.com.br Rotina, contratações e análise dos jogos dos clubes catarinenses. A história do futebol no Estado é resgatada com postagens que relembram os títulos e jogadores que marcaram Santa Catarina.


Brusque recupera os três pontos perdidos no caso de racismo contra o Celsinho, do Londrina

Em julgamento realizado nesta tarde de quinta-feira (18) o time catarinense recuperou os três pontos perdidos na tabela no caso de racismo com o jogador Celsinho do Londrina

O Brusque recuperou os seus três pontos em julgamento realizado no STJD na tarde desta quinta-feira (18) naquele caso de racismo envolvendo o jogador Celsinho, meia do Londrina.

Caso de racismo no Brusque envolveu o meia Celsinho – Foto: Gustavo Oliveira/Divulgação/Londrina/NDCaso de racismo no Brusque envolveu o meia Celsinho – Foto: Gustavo Oliveira/Divulgação/Londrina/ND

O time catarinense passa a ter 44 pontos e fica muito próximo da sua permanência na série B. O racismo é odioso é lamentável, mas tirar os pontos da equipe por causa de um diretor ignorante é punir todo um trabalho dentro de campo, inclusive de atletas e funcionários negros do time catarinense.

O esforço dentro do gramado não pode ser punido, esse foi entendimento dos julgadores. E o infeliz diretor racista, o culpado de tudo, que pague na justiça pelo seu ato lamentável.

Participe do grupo e receba as principais notícias
do esporte de Santa Catarina e do Brasil na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
Loading...