Brusque quer virada para continuar fazendo história na Copa do Brasil

Quadricolor enfrenta o Ceará nesta quarta-feira (23), na Arena Castelão; No jogo de ida, em Santa Catarina, os cearenses venceram por 2 a 0

Único catarinense vivo na competição, o Brusque entra em campo nesta quarta-feira (23) com o objetivo de continuar fazendo história na Copa do Brasil. A missão, porém, não é nada fácil. A equipe enfrenta o Ceará, na Arena Castelão, precisando reverter o placar de 2 a 0 conquistado pelos cearenses no primeiro jogo, em Santa Catarina.

No jogo de ida, no Estádio Augusto Bauer, o Ceará venceu por 2 a 0 – Foto: Lucas Gabriel Cardoso / Brusque FC

A partida entre as duas equipes está marcada para às 21h, em Fortaleza (CE). O Ceará pode perder por até um gol de diferença que mesmo assim avança para as oitavas de final da competição. Para se classificar o Brusque precisa vencer por três gols ou mais. Se os catarinenses vencerem por 2 a 0 a decisão será nos pênaltis.

O quadricolor vem de vitória diante da Tombense pela Série C. Com gol de Geovane Itinga a equipe venceu os mineiros  por 1 a 0, jogando no Estádio Augusto Bauer. O Ceará, por sua vez, foi goleado pelo Bragantina por 4 a 2, em São Paulo, pelo Campeonato Brasileiro da Série A.

Destaques

A esperança de gols na noite desta quarta-feira pelo lado do Brusque é o atacante Geovane Itinga. O jovem de 22 anos estreou pelo quadricolor no último jogo contra a Tombense (MG) e marcou o gol que deu a vitória ao time catarinense.

Pelo lado do Ceará, as atenções estarão voltadas ao atacante Rafael Sóbis, campeão mundial com o Internacional em 2006, e Leandro Carvalho que marcou um dos gols do vozão na partida de ida, em Brusque.

Expectativa

O volante Rodolfo Potiguar sabe da dificuldade que o Brusque terá pela frente, mas garante que nada está perdido. “Sabemos que todo jogo a responsabilidade é enorme. Vamos em busca da vitória. Quem sabe devolver os 2 a 0 e conquistar a classificação nos pênaltis, que é tão importante para o Brusque”, declara o atleta.

Campanha histórica

Essa já é a melhor campanha da história do Brusque na Copa do Brasil. O clube nunca havia chegado na 4ª fase da competição. Mas a equipe do Vale quer mais. Se passar par as oitavas de final, os catarinenses vão embolsar mais R$ 2,6 milhões.

Primeiro Jogo

O Brusque até dominou a partida, com quase 70% de posse de bola. Mas a equipe não conseguiu transformar em gols. E como diz aquele velho ditado: “quem não faz, toma”. O Ceará aproveitou duas falhas dos mandantes e marcou com Leandro Carvalho e Zé Carlos.

Ceará vence o Brusque pela Copa do Brasil – Foto: Israel Simonton / Ceará SC

FICHA TÉCNICA

Ceará: Fernando Prass; Eduardo, Gabriel Lacerda; Luiz Otávio e Bruno Pacheco; William Oliveira, Charles e Vinícius; Fernando Sobral, Leandro Carvalho e Rafael Sóbis. Técnico: Guto Ferreira.

Brusque: Zé Carlos; João Carlos, Cleyton, Éverton Alemão e Airton; Zé Mateus, Rodolfo Potiguar e Eliomar; Alex Sandro, Marco Antônio e Geovane Itinga. Técnico: Jerson Testoni.

Arbitragem: Denis da Silva Ribeiro Serafim, auxiliado por Esdras Mariano de Lima Albuquerque e Brígida Cirilo Ferreira. Todos de Alagoas.

Local: Arena Castelão – Fortaleza (CE)   Horário: 21h30   Data: 23/09/2020

+

Futebol Catarinense