Chapecoense goleia o Marcílio Dias e se aproxima da final do Catarinense

Verdão do Oeste marcou três no segundo tempo e volta para casa com uma larga vantagem diante do Marinheiro

A Chapecoense goleou o Marcílio Dias por 4 a 1 na tarde deste domingo (16), no Gigantão das Avenidas, em Itajaí. Com a ampla vitória, o Verdão do Oeste fica mais próximo de conquistar a vaga para a final do Campeonato Catarinense 2021.

Chapecoense goleia o Marcílio Dias e fica próxima da final do Campeonato Catarinense – Foto: Márcio Cunha/ACF/NDChapecoense goleia o Marcílio Dias e fica próxima da final do Campeonato Catarinense – Foto: Márcio Cunha/ACF/ND

Vale ressaltar que a Chape já contava com a vantagem do empate ao seu favor porque terminou a primeira fase do Estadual na liderança.

Antes do jogo, o departamento médico do Marcílio informou que Ravanelli apresentou um quadro gripal durante a madrugada e, por motivos de segurança e orientação médica, ficaria de fora da partida.

JOGO

Buscando se valer da organização e da bola parada, o Marinheiro começou partindo para o ataque e chegou próximo de abrir o placar com o lateral-direito Weriton. Na ocasião, o defensor arriscou o chute de fora da área, mas a bola passou pela direita do gol.

Marcílio Dias, Chapecoense, Campeonato Catarinense, jogo de ida, – Foto: Bruno Golembiewski/CNMD/NDMarcílio Dias, Chapecoense, Campeonato Catarinense, jogo de ida, – Foto: Bruno Golembiewski/CNMD/ND

Enquanto o capitão Xavier buscava ditar o ritmo de jogo do Marinheiro, a defesa segurava as investidas do Verdão do Oeste.

No entanto, aos 30 minutos da primeira etapa, a Chape abriu o placar com Anselmo Ramon. Em uma rápida subida pelo lado esquerdo, o centroavante da Chape recebeu na área e, de primeira, completou para o gol.

Um minuto depois, Nathan Ferreira recebeu a bola pelo lado direito e bateu para o gol, mas passou pelo lado direito do gol.

Fazendo valer das jogadas de bola parada, o Marcílio Dias chegou ao gol de empate em um lance de escanteio. Aos 44 minutos do primeiro tempo, o zagueiro Wallace subiu mais que todo mundo e empatou para o Marinheiro.

Segundo tempo avassalador

Na volta para o segundo tempo, o Marcílio Dias não conseguiu controlar as subidas da Chapecoense para o ataque. Logo aos 4 minutos, Perotti marcou o seu 13º gol e se isolou na artilharia do Campeonato Catarinense.

No lance, Fabinho cruzou para Mike, que estava na ponta esquerda, e bateu cruzado, mas a bola sobrou limpa para o camisa 77 da Chape recolocar a equipe na frente.

O Marinheiro ainda conseguiu criar boas oportunidades. Entre elas, após a defesa da Chapecoense afastar o lance para o meio da área, Gustavo Henrique, livre de marcação, cabeceou e a bola passou tirando tinta da trave direita.

Por outro lado, o Marcílio Dias vinha sofrendo com as subidas da Chape, principalmente pelo lado esquerdo do ataque do Verdão do Oeste.

Já aos 37 da etapa final, Perotti dominou a bola próximo da marca do pênalti e deu o passe para Ronei, vindo da direita, ampliar para 3 a 1.

Três minutos depois, o Marcílio chegou a balançar as redes com Weriton após aproveitar o rebote do goleiro Keiler. Porém, o lateral já estava em posição de impedimento.

Aos 47 minutos do segundo tempo, Geuvânio fez um lindo lançamento para Fernandinho que mostrou tranquilidade para bater rasteiro e decretar a goleada do Verdão do Oeste.

As equipes voltam a se enfrentar na quarta-feira (17), às 15h30, na Arena Condá, em Chapecó. Agora, o Marcílio Dias precisa vencer por quatro ou mais gols para se classificar para a final do Campeonato Catarinense.

FICHA TÉCNICA:

Marcílio Dias: Victor Golas; Weriton, Wallace, Luan e Luiz Renan; Matheus Cabral (Nathan Cachorrão), Guilherme Xavier, Nathan Ferreira (Medina), Anderson Ligeiro (João Henrique), Franklin e Zé Vitor (Gustavo Henrique). Técnico: Teco.

Chapecoense: Keiller; Matheus Ribeiro, Thiago Coser, Derlan e Busanello; Anderson Leite (Moisés Ribeiro), Léo Gomes (Fernandinho), Fabinho (Geuvânio) e Mike (Lima); Anselmo Ramon (Ronei) e Perroti. Técnico: Mozart.

Gols: Anselmo Ramon (30/1T), Wallace (45/T), Perotti (4/2T), Ronei (37/2T) e Fernandinho (47/2T).

Cartões: Victor Golas (MDI), Matheus Cabral (MDI) e Gustavo Henrique (MDI); Derlan (CHA), Fabinho (CHAP) e Geuvânio (CHA).

Arbitragem: Luiz Augusto Silveira Tisne apita e terá a assistência de Alex dos Santos e Johnny Barros de Oliveira.

Local: Gigantão das Avenidas, Itajaí

Data: Domingo (16)

Horário: 16h

Participe do grupo e receba as principais notícias
do esporte de Santa Catarina e do Brasil na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Chapecoense