Junior Spindula

jr.spindula@gmail.com Os destaques da Chapecoense todos os dias aqui no ND+. O repórter Junior Spindula traz até você todos os bastidores e informações do Verdão do Oeste.


Chapecoense precisa mudar postura na Série B

Com mais uma derrota dentro da Arena Condá, time segue sem vencer como mandante no Campeonato Brasileiro

A Chapecoense não merecia perder o jogo para o Sport Recife na última sexta-feira (13), porém isso não quer dizer que merecia a primeira vitória dentro da Arena Condá no Campeonato Brasileiro da Série B. Afinal de contas, o torcedor esperava mais da postura do time, que precisa potencializar a vontade de vencer.

Chapecoense vive má fase na Série BDerrota para o Sport foi a segunda em casa no Campeonato Brasileiro – Foto: Tiago Meneghini/Chapecoense/ND

Por outro lado, entrou em campo a competência do adversário que aproveitou a falha da Chape na formação da barreira na bola parada e também criou oportunidades claras de gol não convertidas.

Entendendo esse contexto, o empate seria o resultado mais justo, mas quando o time leva um gol, a estratégia preparada para o confronto muda completamente. Toda a expectativa criada passa por um estágio de mudança rápida. É como se precisasse trocar o pneu com o carro em movimento, ou seja, tudo fica mais difícil.

Isso foi o que aconteceu com a Chapecoense na partida contra o Sport. Levou um gol aos 12 minutos de jogo e não teve competência para reverter a situação mesmo com o apoio do torcedor.

Chapecoense não conseguiu reagir

Em outras palavras foi isso que o auxiliar técnico Fabiano Xha, que comandou o time por conta da suspensão do técnico Gilson Kleina, disse na entrevista coletiva após o jogo: “tivemos volume maior, mas não fomos eficazes”, explicou. Eu acrescentaria mais uma coisa, a Chape precisa ter mais “sangue nos olhos” e traduzir isso em gol.

O Verdão do Oeste precisa parar de ser tão previsível. Está na hora de mudar de estratégia e formação.

Entendo que o time precisa criar entrosamento com uma sequência para os jogadores, mas já se foram sete jogos desde que o Brasileirão começou e a Chape precisa aprender a surpreender os adversários, caso contrário vamos correr riscos desnecessários na tabela de classificação.

Participe do grupo e receba as principais notícias
do esporte de Santa Catarina e do Brasil na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
Loading...