Chapecoense vira contra o RB Bragantino e vence a 1ª na Série A

Anselmo Ramon marcou o gol da vitória aos 49 minutos da segunda etapa; Verdão acaba com longo jejum sem vitórias

Acabou o jejum. A Chapecoense venceu o Red Bull Bragantino de virada na noite deste sábado (11) e garantiu a primeira vitória na Série A do Campeonato Brasileiro. Artur abiu o placar no estádio Nabi Abi Chedid, enquanto Mike e Anselmo Ramon marcaram para o Verdão.

Jogadores da Chapecoense comemoram a primeira vitória na Série A – Foto: Márcio Cunha/ACFJogadores da Chapecoense comemoram a primeira vitória na Série A – Foto: Márcio Cunha/ACF

Com o resultado, o Massa Bruta ocupa a 4ª posição e soma 32 pontos. Já a Chapecoense permanece na lanterna mas chega aos 10 pontos.

O jogo

O início da partida foi bastante intenso com ataques da Chapecoense, que buscava a vitória sob o comando de Pintado e foi superior durante a maior parte do confronto. Já o time da casa, treinado por Maurício Barbieri, dominou a posse de bola e acabou pressionado, mas abriu o placar em Bragança Paulista.

No final do primeiro tempo, o lateral-esquerdo Busanello, dentro da área, tocou na bola com a mão após finalização do adversário. Artur bateu o pênalti rasteiro, no canto direito do goleiro, e converteu a cobrança, inaugurando o marcador.

A etapa complementar também seguiu intensa, com chances construídas pelos dois times. Aos 23, Geuvânio empatou para a Chape, mas o gol foi anulado pelo VAR, pois o atacante estava impedido.

A superioridade dos catarinenses teve resultado. Aos 33 minutos, Ravanelli cobrou falta pela direita e Mike, de cabeça, deixou tudo igual. Após o gol, a Chapecoense seguiu atacando e levando perigo à meta adversária.

Já aos 49 minutos, Anselmo Ramon aproveitou cobrança de falta e, também de cabeça, empurrou para o fundo das redes, virando a partida para 2 a 1.

* Com informações da Gazeta Esportiva

FICHA TÉCNICA

RED BULL BRAGANTINO 1 X 2 CHAPECOENSE

Local: Estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista (SP)

Data: 11 de setembro de 2021, sábado

Hora: 19h00 (de Brasília)

Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (RJ)

Assistentes: Eduardo Gonçalves da Cruz (MS) e Márcia Bezerra Lopes Caetano (RO)

VAR: Carlos Eduardo Nunes Braga (RJ)

Cartões amarelos: Weverton, Helinho, Cuello e Praxedes (Red Bull Bragantino); Busanello e Anselmo Ramon (Chapecoense)

GOLS:

Red Bull Bragantino: Artur (aos 37 do 1º tempo)

Chapecoense: Mike (aos 33 do 2º tempo) e Anselmo Ramon (aos 49 do 2º tempo)

RED BULL BRAGANTINO: Cleiton; Weverton (Rafael Luiz), Fabrício Bruno, Léo Ortiz e Edimar; Martínez (Ytalo) e Eric Ramires; Artur (Helinho), Vitinho (Praxedes) e Cuello (Pedrinho); Gabriel Novaes

Técnico: Maurício Barbieri

CHAPECOENSE: Keiller; Matheus Ribeiro, Kadu, Jordan e Busanello; Anderson Leite, Alan Santos (Moisés Ribeiro), Denner (Ravanelli) e Mike (Fabinho); Bruno Silva (Geuvânio) e Perotti (Anselmo Ramon)

Técnico: Pintado

Participe do grupo e receba as principais notícias
do esporte de Santa Catarina e do Brasil na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Chapecoense

Loading...