Fábio Machado

Rotina, contratações e análise dos jogos dos clubes catarinenses. A história do futebol no Estado é resgatada com postagens que relembram os títulos e jogadores que marcaram Santa Catarina.


28 de agosto, o dia “D” no Figueirense: a expectativa e a realidade

O dia 28 de agosto de 2019 foi um dia atípico, diferente e inusitado para o torcedor do Figueirense.

Durante todo o dia ele pesquisou nos noticiários informações sobre a quitação das dívidas do clube, conforme promessa da empresa parceira, em resposta ao termo de compromisso firmado com o conselho do alvinegro.

A informação que circulou é que foi pago parcialmente os salários dos atletas e a empresa deve dar como resposta para os conselheiros que “o cronograma pontual” está sendo seguido.

Ou seja, não dá para acreditar em uma mudança ou um rompimento de contrato de uma hora para a outra, de forma radical.

Não existe a possibilidade de um dia para o outro aparecer na frente do estádio Orlando Scarpelli a faixa “sob nova direção”.

Isso vai demandar tempo, negociação afim de evitar imbróglios jurídicos e muita paciência, caso o caminho projetado e a solução definida pelos “notáveis” seja de fato, a mudança.