Fábio Machado

Rotina, contratações e análise dos jogos dos clubes catarinenses. A história do futebol no Estado é resgatada com postagens que relembram os títulos e jogadores que marcaram Santa Catarina.


A decisão judicial comemorada no Figueirense. E a velocidade do novo time do Jorginho

Duas notas sobre o Figueirense desta sexta. A primeira é a decisão jurídica que afasta a Elephant e Cláudio Honigmann do Figueirense

PARCEIRA FORA DO FIGUEIRENSE, GARANTE DECISÃO JUDICIAL

Chiquinho de Assis comemora decisão da justiça que Cláudio Honigmann (sem óculos na foto) e a Elephant do Figueirense junto a CBF.  – Foto: Anderson Coelho/NDChiquinho de Assis comemora decisão da justiça que Cláudio Honigmann (sem óculos na foto) e a Elephant do Figueirense junto a CBF.  – Foto: Anderson Coelho/ND

O presidente do Conselho Deliberativo do Figueirense, Chiquinho de Assis, divulgou nesta sexta(19), uma decisão judicial que afasta e exclui a empresa Elephant e seu presidente Cláudio Honigmann como representante da instituição Figueirense Futebol Clube junto a CBF (Confederação Brasileira de Futebol). Seguindo Chiquinho de Assis a decisão jurídica é “motivo de regozijo à toda a torcida alvinegra e confirma que o Figueirense pertence à sua cidade e à sua torcida, e irá voltar a trilhar o caminho de glórias que marca a sua história”.

Abaixo a íntegra da Nota de Esclarecimento:

O Presidente do Conselho Deliberativo do Figueirense Futebol Clube, em face da decisão de levantamento de sigilo prolatada na data de hoje, noticia que o processo movido contra a empresa Elephant PARTICIPAÇÕES SOCIETÁRIAS S.A. e a pessoa física de Claudio Honigmann, restou julgado em data de 11 de fevereiro do corrente ano de 2021.

A sentença, ao julgar procedentes os pedidos do Figueirense Futebol Clube, convalidou o deferimento das solicitações iniciais constantes do Pedido de Tutela Provisória de Urgência Antecipada havido em 23 de setembro de 2019, para o fim de afastar definitivamente da gestão do Figueirense os réus antes nominados, tornando ineficaz qualquer ato por eles praticado após o recebimento da notificação expedida, como a exclusão da empresa da qualidade de representante do clube perante a Confederação Brasileira de Futebol – CBF e instituições financeiras.

A confirmação por sentença do que havia sido concedido em sede de apreciação liminar, embora ainda passível de recurso à instancias superiores, confirma o acerto nas estratégias e iniciativas empreendidas no limiar da ação, quando investido nas presidências dos Conselhos Administrativo e Deliberativo do Clube, o Conselheiro Francisco de Assis Filho, com a anuência dos membros do Conselho Consultivo da Figueirense Ltda., decidiu pelo afastamento dos réus Elephant e Claudio Honigmann da direção do Figueirense, devolvendo-o a quem à ele está ligado pela paixão e comprometimento.

É motivo de regozijo à toda a torcida alvinegra a confirmação de que o Figueirense pertence à sua cidade e à sua torcida, e irá voltar a trilhar o caminho de glórias que marca sua história.

Florianópolis, em 18 de fevereiro de 2021.

FRANCISCO DE ASSIS FILHO

Presidente do Conselho Deliberativo

Figueirense Futebol Clube

VELOCIDADE E JUVENTUDE NO JOGO TREINO

Figueirense vence jogo treino diante do sub 23 do Tubarão – Foto: Patrick Floriani/Figueirense/NDFigueirense vence jogo treino diante do sub 23 do Tubarão – Foto: Patrick Floriani/Figueirense/ND

O Figueirense realizou um jogo treino na tarde da última quinta(18) diante do sub 23 do Tubarão. A imprensa não pode presenciar a movimentação dos atletas, mas um quero-quero que dá belos rasantes pelo belo gramado do estádio Orlando Scarpelli me assoprou que apesar das muitas alterações realizadas pelo treinador Jorginho, o time apresentou duas características que chamaram a sua atenção: juventude e muitas velocidade.