Colunista do Notícias do Dia critica saída de Hudson Coutinho

Rodrigo Santos classificou a decisão do clube como prematura

O principal problema de Hudson Coutinho foi não poder contar com atletas para o meio de campo. Sem Carlos Alberto, que ainda não estreou na temporada, e Ortega sem documentação, o técnico tinha apenas Bruno Dybal para o setor de armação. O jovem Yago, da base alvinegra, apesar de bom tecnicamente, joga mais recuado. O colunista Rodrigo Santos considera a decisão precipitada, principalmente pela falta de jogadores de criação, e aposta na contratação de Vinícius Eutrópio, o nome que teria menor rejeição por parte da torcida.

Luiz Henrique/Divulgação FFC

Para colunista, novo técnico terá os mesmos problemas de Hudson Coutinho

“Qualquer treinador que assumir não fará milagre com esse time. A culpa não pode ser jogada nas costas do treinador. Tem que considerar que ele tinha problemas no elenco, fazendo a equipe jogar em função do Clayton. A torcida quer, tem simpatia pelo Eutrópio, o que facilita o caminho para fechar, mas terá os mesmos problemas que o Hudson, ainda mais se o Clayton for embora, o time perde muita qualidade e o poder de ataque acaba”, comentou o colunista. 

Participe do grupo e receba as principais notícias
do esporte de Santa Catarina e do Brasil na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Figueirense

Loading...