Figueirense e Criciúma aparecem como interessados no goleiro Júlio Cesar, do Corinthians

Clubes catarinenses travam disputa à parte por atletas neste início de temporada

Criciúma e Figueirense têm interesse no goleiro Julio Cesar, do Corinthians. A informação partiu do próprio clube paulista, que quer reduzir a folha salarial, atualmente perto dos R$ 9 milhões. As negociações, no entanto, ainda estão no início. O interesse mútuo por Julio Cesar é mais um capítulo na disputa à parte que Tigre e Furacão vêm travando neste início de temporada. O primeiro caso foi o do lateral-esquerdo Everton. Antes de emprestá-lo ao Criciúma, o Cruzeiro chegou a anunciar Everton como reforço do Figueirense, que descartou a transferência por questões contratuais. Depois veio a novela da renovação de Maylson com o clube de Florianópolis. Sem acordo com a diretoria alvinegra, o jogador acabou acertando com o Tigre.

:: Sem acordo com Figueirense, Maylson está praticamente acertado com Criciúma

:: Sem acordo com o Figueirense, Cruzeiro empresta Everton ao Criciúma

Miguel Schincariol/Lance!Net

Miguel Schincariol/Lance!Net

Apesar do alto salário, Julio Cesar é mais um jogador disputado por Criciúma e Figueirense

Alheio à disputa, o Corinthians quer se desfazer de Julio Cesar e outros atletas — como os meias Ibson, Cachito Ramírez e Vitor Júnior (esse já emprestado ao Figueirense até no fim do ano) — por motivos financeiros. Na tentativa de fazer o contrapeso de Fagner, o Timão tenta enxugar o grupo. 

Mas a tarefa da diretoria não tem sido fácil. O caso de Julio Cesar, por exemplo, vem sendo trabalhado há dias. Com contrato até o fim deste ano e atualmente como quarta opção do elenco, o goleiro já deixou claro que quer respirar novos ares daqui para a frente.

O problema é o seu alto salário, que acaba freando a negociação com outras equipes. Embora Criciúma e Figueirense estudem a contratação do jogador, as negociações estão em estágio inicial. E existe também a possibilidade de Julio permanecer no Corinthians até dezembro.

Já Ramírez, que tem propostas em mãos de Vasco e Sport, anda fazendo força para permanecer. O pai do jogador, que também agencia sua carreira, não viu com bons olhos as duas ofertas e criou um impasse para a diretoria corintiana. Ele ficou de dar uma resposta aos clubes interessados até a última segunda-feira, mas até agora não decidiu o que vai fazer do seu futuro.

Mas é a situação de Ibson a mais complicada para a diretoria do Corinthians resolver neste início de ano. Em desgraça com a torcida, não sendo ao menos relacionado para as partidas do Paulistão e com salário considerado alto, o meia só despertou o interesse de Abel Braga, técnico do Internacional, mas foi prontamente negado pela diretoria do clube gaúcho. Em recentes negociações, foi até tentado inclui-lo em troca-troca, mas nada evoluiu. Por isso, deve continuar.

Danilo divide opiniões

Outro que deve deixar o Corinthians, mas só no meio do ano, Danilo vem dividindo opiniões dentro do clube. O meia tem contrato até o fim de julho e ainda não foi procurado para renovar. Com as últimas boas atuações e a titularidade com Mano Menezes, ele ganhou alguns defensores nos bastidores do clube.

Questionado sobre o que fazer com o jogador, o novo técnico disse à diretoria que quer ver o desempenho do meia por mais alguns meses. O certo é que a cúpula corintiana nunca cogitou “corpo mole” do camisa 20, embora ache que a idade (34 anos) atrapalhe na parte física.

Participe do grupo e receba as principais notícias
do esporte de Santa Catarina e do Brasil na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Figueirense

Loading...