JEC vence Figueirense em Florianópolis por 2 a 1

Com gols de Bruno Aguiar e Kadu, Joinville vai aos seis pontos no returno

João Lucas Cardoso/Assessoria JEC/ND

O Capitão Bruno Aguiar abre o placar da vitória do Joinville sobre o Figueirense

Pela primeira vez no Campeonato Caterinense deste ano, o Joinville consegue duas vitórias seguidas. Num jogo disputado, o Tricolor venceu o Figueirense na casa do adversário por 2 a 1. Com gols de Bruno Aguiar e Kadu ainda no primeiro tempo, o Furacão só conseguiu diminuir aos 43 minutos do segundo tempo, com Ermel.

O Joinville começou o primeiro tempo superior e aos 12 minutos, numa cobrança de falta, Edson Ratinho levantou a bola na área e Bruno Aguiar cumprimentou para as redes. O lance erou polêmica, pois o assistente marcou o impedimento, mas logo em seguida o árbitro Sandro Meira Ricci confirmou o primeiro gol Tricolor. Quatro minutos depois, num passe de Naldo, Kadu chutou à esquerda do goleiro Gatito Fernández: 2 x 0, quando a maioria da torcida do JEC sequer tinha entrado no Scarpelli.

O Joinville relaxa e recua, o Figueira tem boas chances, principalmente em jogadas áreas. Aos 31 minutos Bady cobra o escanteio, a bola é cabeceada e bate no travessão e depois no chão, o lateral Edson Ratinho manda para fora, os jogadores do Figueirense reclamam que a bola entrou, mas o juiz dá apenas escanteio.

O segundo tempo começou equilibrado, o técnico do Furacão faz duas substituições, aos 15 minutos, tirando Dudu e Dodô para a entrada de Ermel e Gabriel Esteves. Aos 21 minutos Kadu foi expulso após falta em cima de Carlos Alberto. O camisa 10 tricolor recebeu o segundo amarelo e foi para o chuveiro mais cedo.

O goleiro Agenor, que ficou afastado desde o segundo jogo do Campeonato devido a uma lesão na mão esquerda, voltou inspirado e fechou o gol Tricolor. Aos 22 minutos numa cobrança de falta para dentro da área a bola é cabeceada e Agenor faz bela defesa, na sequência Nirléy chuta na trave e perde a chance de abrir o placar para o Figueira.

O alvinegro não fez valer a vantagem numérica, mas descontou no fim, quando muitos torcedores já deixavam o estádio.  Aos 43, Ermel descontou, de cabeça.

Com a vitória, o Joinville chega a seis pontos e se igual à Chapecoense, campeã do returno. O JEC volta a campo na próxima quarta-feira (16), às 21h45 na Arena Joinville, contra o Criciúma.

Ficha Técnica

Local: Orlando Scarpelli, Florianópolis. Data: 12/3 (sábado). Hora: 21h. Árbitro: Sandro Meira Ricci. Auxiliares: Rosnei Scherer e Eder Alexandre.

Gols: Bruno Aguiar, 11/1t e Kadu, 16/1t (JEC). Ermel, 43/2t (FIG)

Cartões amarelos: Dudu (F), Cartão Amarelo (F), Willian Paulista (J), Kadu (J), Marquinhos (F)
Cartões vermelhos: Kadu (J) Público: 3.989 Renda:45.236

Figueirense (1)

Gatito Fernández; Leandro Silva, Marquinhos, Nirléy, Marquinhos Pedroso, Elicarlos e Bady; Dodô (Gabriel Esteves), Carlos Alberto, Everton Santos e Dudu (Ermel).

Técnico: Vinícius Eutrópio

Joinville (2)

Agenor; Edson Ratinho, Bruno Aguiar, Rafael Donato e Diego; Naldo, Anselmo e Kadu; Juninho (Mário Sérgio), Welinton Júnior (Breno) e William Paulista (Diego Felipe).

Técnico: Hemerson Maria

Participe do grupo e receba as principais notícias
do esporte de Santa Catarina e do Brasil na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Figueirense

Loading...