Wilfredo Brillinger defende chapa de consenso para eleições no Figueirense

Assembleia geral marcada para esta terça-feira, às 20h, vai decidir novo mandatário do clube

Daniel Queiroz/Arquivo/ND

wilfredo brillinger candidato presidência figueirense

Wilfredo Brillinger teve o nome lançado na noite de sexta-feira

Em reunião no Centro Administrativo do Governo do Estado, o candidato à presidência do Figueirense Wilfredo Brillinger se mostrou confiante no resultado da votação que acontece nesta terça-feira, às 20h, no Memorial do Clube, no Orlando Scarpelli.

Para o empresário, proprietário da Prosul e Alliance Sports, o momento não é de conflito, mas de união. “Eu defendo uma chapa de consenso, para negociar, acomodar para não ter disputa. Mas não me oponho que haja um rival”, disse à reportagem do Jornal Notícias do Dia.

O breve comentário foi feito poucas horas antes do fim do prazo para inscrição das chapas que vão concorrer na Assembleia Geral, marcado para às 18h desta segunda-feira.

A eleição polêmica foi marcada na última sexta-feira, quando o empresário ofereceu o nome para a assumir o cargo máximo do clube como pessoa física e prometeu a quebra do contrato de parceria entre Alliance Sports e Figueirense, que dura há 2,5 anos. De acordo com José Carlos Silva, conselheiro e membro do Comitê de Transição, as dívidas no clube chegam aos R$ 28 milhões.

Se eleito, Wilfredo afirma que irá implantar uma gestão empresarial no clube durante o mandato, previsto para encerrar em 2014. Durante a reunião de amanhã, o atual presidente Odorico Durieux e toda a diretoria vão apresentar a renúncia de seus cargos.

Acesse e receba notícias da Grande Florianópolis pelo WhatsApp do ND+

Entre no grupo
+

Figueirense