JEC estreia na série D em confronto inédito contra o Cascavel

Tricolor e Cascavel nunca se enfrentaram e jogo inédito abre o caminho do Joinville para o acesso

A bola vai rolar e na cabeça do torcedor, da diretoria e dos jogadores do JEC só há um objetivo: vitória que se transforme em acesso. Neste sábado (5), às 16h, o Tricolor enfrenta o Cascavel e começa a caminhada em busca de um objetivo, um sonho que se tornou obrigação. Sem a classificação para a Série C, o JEC volta a viver o pesadelo de ficar sem série e sem calendário em 2022.

Estreia do JEC, neste sábado (5), contra o Cascavel deve mostrar um Tricolor diferente para buscar o acesso à Série C – Foto: Vitor Forcellini/JECEstreia do JEC, neste sábado (5), contra o Cascavel deve mostrar um Tricolor diferente para buscar o acesso à Série C – Foto: Vitor Forcellini/JEC

O confronto é inédito na história dos times catarinense e paranaense. O Coelho e a Serpente nunca se enfrentaram e, agora, dividem o grupo A8 da Série D com momentos distintos. A equipe paranaense vem embalada pela boa campanha no Estadual e perdeu apenas um jogo na temporada. Já o JEC vem de uma eliminação precoce e dolorida no Catarinense, eliminação que colocou o Tricolor contra a parede e sendo obrigado a conquistar o acesso para ter o que disputar no segundo semestre do ano que vem.

A partida marca a estreia do técnico Leandro Zago no comando tricolor e, para ele, o trabalho realizado nas últimas semanas e os reforços que desembarcaram no CT do Morro do Meio trazem confiança à equipe. “Confiamos no que fizemos durante essas semanas de preparação. Fomos recebendo atletas durante esse período e conseguimos dar uma ideia bem geral daquilo que queremos fazer ao longo do campeonato”, ressalta.

O JEC teve as saídas de Diego e Alison Mira, mas reforçou o elenco para a disputa do Brasileiro. Além do retorno do meia atacante Chrystian, o Tricolor contratou Junior Fialho, Alison, Léo Griggio. O meia Xavier e o goleiro, Rafael Pascoal apresentados nesta semana já devem, inclusive, integrar o time titular.

Com um adversário forte e considerado um dos favoritos logo na estreia, Zago pontua que, um time que quer o acesso, não pode se prender ao favoritismo e, sim, dar importância a todos os jogos. “Temos certeza de que serão jogos duríssimos durante toda a primeira fase. As coisas vão começar a se desenhar, sobre quem são as equipes que vão se encaminhar para a classificação, ao final do primeiro turno. Mas, independente disso, para mim, só vão conseguir ter sucesso e classificar, equipes que tratarem cada jogo como o jogo mais importante da competição”, salienta.

A expectativa e a confiança são grandes, no entanto, o comandante tricolor adianta que a equipe ainda não estará 100% na primeira partida e o planejamento é, justamente, evoluir durante a competição. “Não vamos apresentar o que podemos apresentar na competição. O planejamento é evoluir durante as partidas. O comportamento de treino diz muito sobre o que vamos apresentar e nos comportamos muito bem”, finaliza.

Provável equipe titular: Rafael Pascoal; Edson Ratinho, Fernando, Helerson e Renan Castro; Xavier, Davi Lopes e Yann Rolim; Paulo Victor, Luquinhas e Thiago Santos

Ficha técnica

Cascavel x JEC

Sábado (5), às 16h

Local: Estádio Olímpico Regional

Árbitro: Renan Novaes Insabralde (MS)

Assistentes: Andrey Luiz de Freitas (PR) e Leandro Polli Glugoski (PR)

Participe do grupo e receba as principais notícias
do esporte de Santa Catarina e do Brasil na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Joinville Esporte Clube