Fábio Machado

fabio.machado@ndmais.com.br Rotina, contratações e análise dos jogos dos clubes catarinenses. A história do futebol no Estado é resgatada com postagens que relembram os títulos e jogadores que marcaram Santa Catarina.


Opinião: Em noite em que até o ídolo Wilson falhou, Figueirense ‘ressuscita’ o Vitória

Figueirense apresenta um futebol decepcionante e perde para o Vitória no Barradão; na verdade o Alvinegro ressuscitou o time baiano

Se até o goleiro Wilson, ídolo do Figueirense falhou, é porque a jornada não poderia terminar bem para o time de Florianópolis. A derrota por 2 a 0 na noite deste sábado(03), em Salvador, “ressuscita” o time do Vitória no Brasileiro da Série C diante da sua torcida e complica a sequência do Furacão para sequência do campeonato.

Foi mais uma apresentação complicada, desorganizada do time do treinador Júnior Rocha. Há várias rodadas, o time deve um futebol convincente. O torcedor está preocupado e com toda razão. Justamente na reta final do turno, o Figueirense vai deixando a competividade de lado e vai abusando dos erros.

Sobre o confronto diante do Vitória, um primeiro tempo fraco, desligado e sem nenhuma criatividade. Só após as saídas, principalmente do Bassani, a equipe tentou reagir.

Na segunda etapa, o Figueirense teve mais a posse da bola – ou o time da casa deu a bola para o visitante para jogar nos contra ataques? Fato é que a equipe abusou nas bolas alçadas na área, assustando pouco o goleiro do time baiano.

Um resultado decepcionante, de um time que valorizou demais os empates como se tivessem sido um ótimo. De uma equipe morna que entrou em campo fora de sintonia da partida e mereceu sair de campo derrotado. E que agora corre o risco de, no complemento da rodada neste domingo, ficar fora do grupos dos oito primeiros.

Participe do grupo e receba as principais notícias
do esporte de Santa Catarina e do Brasil na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
Loading...