Fábio Machado

Rotina, contratações e análise dos jogos dos clubes catarinenses. A história do futebol no Estado é resgatada com postagens que relembram os títulos e jogadores que marcaram Santa Catarina.


Pedro Castro e Patrick, momento certo para encerrar suas passagens no Avaí e Figueirense

Pedro Castro e Patrick precisam mudar de ares, encarar novos desafios. Um não sente valorizado, outro carrega as críticas pesadas do seu torcedor. Hora para as saídas é agora.

Dois jogadores podem estar encerrando os seus ciclos nos seus clubes: Pedro Castro no Avaí e Patrick no Figueirense. O meia da Ressacada, no sul da ilha não se sente valorizado e sempre foi alvo de críticas por parte da torcida. O volante alvinegro carrega consigo a crítica feroz da torcida por ter não ter ajudado de forma mais efetiva o clube na reta final da série B, e por azar do destino, desde que virou jogador profissional em 2017, esteve presente nos momentos mais turbulentos da história do Figueirense nesse primeiro século de existência. Um azarado.

Pedro Castro e Patrick precisam buscar novos desafios nas suas carreiras. – Foto: Montagem Site Oficial Avaí/FigueirensePedro Castro e Patrick precisam buscar novos desafios nas suas carreiras. – Foto: Montagem Site Oficial Avaí/Figueirense

Sobre essas duas saídas, afirmo que é o melhor neste momento para os atletas, para os clubes e para as torcidas. É preciso deixar claro que os dois jogadores não estão sendo apontados aqui como culpados, muito longe disso. Podem não terem brilhado em campo, mas com suas limitações evidentes, não pouparam entrega no gramado e suor. Mas as saídas agora são salutares para trocar de ar, respirar e assumir novos desafios em outros clubes. Que esses ciclos encerrem para o bem de todos os envolvidos.