Carne de pescoço: churrasco de Messi causa indigestão ao Barcelona

Messi quis unir o grupo, mas acabou criando um problema para o Barcelona, às vésperas de jogo decisivo na La Liga

A intenção era boa, mas o churrasco organizado por Leonel Messi, nesta segunda-feira (3) em sua casa para os companheiros de equipa poderá colocar o argentino em maus lençóis. O craque argentino quis unir o time depois da derrota para o Granada, sobretudo porque está em jogo a liderança do campeonato. Afinal, o Barcelona tem pela frente mais uma chance de liderar o Espanhol.

Lionel Messi teve boa intenção, mas foi contra protocolo de medidas sanitárias – Foto: AFP/divulgaçãoLionel Messi teve boa intenção, mas foi contra protocolo de medidas sanitárias – Foto: AFP/divulgação

Entretanto, reunir os jogadores – e as respectivas mulheres – foi uma ação que esbarrou nos protocolos sanitários da Generalitat, o governo catalão, e da Liga contra a Covid-19. O protocolo proíbe reuniões com mais de seis pessoas que não sejam do mesmo grupo familiar. Mesmo que o almoço tenha sido ao ar livre e em mesas de seis.

A regra do governo catalão, válida até 8 de maio, define então que o almoço decorreu de forma ilegal. Assim, trata-se de uma infração grave por risco de contágio. Ainda que, neste caso, os jogadores de futebol estejam restritos à bolha e testagem constante. De acordo com o  jornal OK Diário, Messi arrisca uma multa entre os 3 mil e 60 mil euros – algo em torno de R$ 400 mil.

Conforme o diário ABC, a Liga vai abrir um processo disciplinar contra os jogadores.

Participe do grupo e receba as principais notícias
do esporte de Santa Catarina e do Brasil na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Futebol Internacional