Copa América pode abalar relação entre Tite e CBF. Entenda!

Entidade ficou incomodada com a postura do treinador ao longo da competição. Além disso Tite perdeu dois jogos fundamentais ao longo de sua trajetória na Seleção Brasileira

A relação entre o técnico Tite a CBF sempre foi muito boa. Mas de uns tempos para cá a coisa começou a mudar. Principalmente por conta da postura do treinador ao longo da Copa América. O alto comando da entidade não vê com bons olhos alguns atos do treinador. Mas também existem fatores técnicos pesando neste desgaste.

Tite não conseguiu a Copa América – Foto: Lucas Figueiredo/CBF/NDTite não conseguiu a Copa América – Foto: Lucas Figueiredo/CBF/ND

Apesar de números excelentes, Tite tem algumas questões que acabam depondo contra este desempenho. Em um total de 61 jogos com ele à frente da Seleção Brasileira, foram apenas cinco derrotas. Somente duas em duelos oficiais. Em 42 jogos o Brasil não sofreu um único gol. Além disso tem saldo positivo de 106 gols. Mas mesmo assim a derrota de 1 a 0 para a Argentina na final da Copa América gera um desconforto em relação ao treinador, que passa a ser visto com outros olhos dentro da CBF. Mas nada que ameace seu cargo, pelo menos por enquanto.

MAIS! Os memes da decisão da Inglaterra

O principal desconforto é que dos 61 jogos, Tite perdeu justamente os dois mais importantes. Foi eliminado nas quartas de final da Copa do Mundo da Rússia com uma derrota de 2 a 1 para a Bélgica. Agora, em um duelo em casa contra o grande rival, em uma decisão, derrota por 1 a 0.

20

Incomodou demais a cúpula da CBF o fato de Tite ter usado a competição para fazer observações. Assim o torcedor não sabia qual time jogaria na partida seguinte e o Brasil chegou à final sem grande entrosamento. Enquanto a Argentina tratava a competição com seridade, Tite dava ares de amistosos aos jogos.

O treinador gerou ainda mais desconforto ao analisar isso como algo positivo.

– O que fica de positivo foi o fato de termos podido usar todos os jogadores – disse o treinador.

MAIS! Os memes da final da Copa América

A competição era importante para a CBF, que precisava dar uma demonstração de força ganhando o caneco em uma taça que organizou em tempo recorde. Mas seu treinador não parecia se importar tanto com isso.

MAIS! Messi vai do céu ao inferno em comemoração

A postura de Tite criticando os gramados e também o fato de o Brasil ter que jogar o torneio foi outro motivo de grande incômodo. Issso porque fragilizou a CBF junto à Conmebol. O treinador chegou a ser punido pela entidade.

Tite incomodou Conmebol

Tite fez críticas contra organização da Copa América – Foto: Lucas Figueiredo/CBFTite fez críticas contra organização da Copa América – Foto: Lucas Figueiredo/CBF

O incômodo se tornou ainda maior após o jogo quando Tite, na entrevista coletiva minutos depois de ver a Argentina vencer, atacou o presidente da Conmebol, Alejandro Domínguez.

– A organização da competição ficou devendo muito. Quase perdemos o Weverton por conta da qualidade dos gramados. Ele teve luxação de dedo, foi uma exposição dos atletas em cima de pouco tempo, o que é impossível diante da grandeza da competição. Estou falando especificamente sobre o responsável, Alejandro, que é o presidente da Conmebol. Estou falando dele, por ter organizado uma competição em tão curto espaço de tempo – reclamou Tite.

MAIS! Libertadores tem histórico de zebras

Assim Tite começa a entrar em rota de colisão com a diretoria da CBF. Mas não corre riscos por conta dos cem por cento de aproveitamento nas Eliminatórias sul-americanas para a Copa do Mundo de 2022. Entretanto se maus resultados vierem…

Participe do grupo e receba as principais notícias
do esporte de Santa Catarina e do Brasil na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Futebol Internacional

Loading...