Conteúdo por Gazeta Esportiva

Empresário vê proposta ridícula do Benfica por Pedrinho e aguarda novo valor

A primeira proposta do Benfica pelo meia Pedrinho não agradou ao Corinthians e ao próprio staff do próprio jogador. Will Dantas, empresário do meia, revelou que o clube português ofereceu 15 milhões de euros (cerca de R$ 70,5),  mais os direitos do atacante Yony González, ex-Fluminense, que estaria avaliado em 5 milhões de euros (mais de R$ 23 milhões). Para pensar em viabilizar o negócio, os portugueses vão precisar desembolsar, no mínimo, 20 milhões de euros (R$ 94 milhões).

“(a primeira proposta) Foi muito ridícula”, disse Will Dantas, em entrevista ao Fox Sports nesta quinta-feira. “O Benfica quer o jogador e ficou de hoje à tarde fazer nova proposta. Mas abaixo de 20 milhões de euros não sai”, emendou.

O agente deixa claro que Pedrinho não tem pressa em sair para o futebol europeu. Neste momento, o jogador está servindo a seleção olímpica em busca da vaga para Tóquio-2020 e depois será considerado um dos pilares para o Corinthians na temporada.

“Eu tinha ficado feliz por ter sido uma proposta do Benfica, de Portugal, seria uma adaptação mais fácil. Mas se não for dessa vez não tem problema. Conversei com o Pedrinho, ele me passou que adora o Corinthians. Se for para Europa, ótimo, todo jogador quer ir, mas se ficar no Corinthians ele vai continuar feliz, será o camisa 10, disputará a Libertadores e a torcida o adora. O que ele quer é jogar”, disse Will Dantas.

Will Dantas aponta grande agradecimento ao Corinthians. Por isso, caso não seja viabilizado o negócio com um time europeu, o empresário diz que irá assinar um novo contrato com o Timão, com uma multa de 50 milhões de euros (mais de R$ 235 milhões).

O Corinthians é dono de 70% dos direitos econômicos do jogador. O restante pertence ao próprio Pedrinho e seus empresários.

+

Futebol Internacional