Conteúdo por Gazeta Esportiva

Fifa estende regras trabalhistas decorrentes da guerra e brasileiros miram reforços

Países envolvidos em guerra abrigam centenas de jogadores brasileiros e sul-americanos; atletas estão se espalhando em outros centros, inclusive, o brasileiro

A Fifa anunciou nesta terça-feira (21) que estendeu as regras trabalhistas temporárias criadas em decorrência da guerra na Ucrânia. Os jogadores e treinadores estrangeiros terão, com isso, mais tempo para buscar um acordo com seus clubes e para suspender seus contratos, se assim quiserem.

Com a guerra na Ucrânia, a Fifa passou a trabalhar na tentativa de garantir a melhor situação possível para que jogadores e treinadores contratados por clubes afiliados às associações russa e ucraniana possam seguir jogando, treinando e recebendo os salários.

Neo Química Arena, casa do Corinthians; Timão monitora a situação da guerra entre Ucrânia e Rússia de olho em reforços para a equipe no segundo semestre – Foto: FIFA/divulgaçãoNeo Química Arena, casa do Corinthians; Timão monitora a situação da guerra entre Ucrânia e Rússia de olho em reforços para a equipe no segundo semestre – Foto: FIFA/divulgação

Para isso, em março deste ano, a entidade máxima do futebol adotou uma série de regras trabalhistas temporárias para permitir que estes profissionais saiam de seus clubes com mais facilidade.

Em março, a Fifa anunciou que em caso de não haver acordo entre clubes e jogadores ou treinadores estrangeiros até o dia dez do mesmo mês, estes teriam o direito de encerrar o contrato de forma unilateral até o dia 30 de junho, quando se encerra a temporada na Rússia e na Ucrânia.

Agora, os jogadores e treinadores estrangeiros terão até o 30 de junho para chegar a um acordo com seus clubes e, caso isso não aconteça, poderão encerrar seus contratos de forma unilateral até o dia 30 de junho de 2023.

Além disso, os jogadores menores de 18 anos, cuja transferência internacional não é permitida em situações normais, poderão se transferir para clubes de outros países caso tenham abandonado a Ucrânia com seus pais em razão do conflito armado.

Participe do grupo e receba as principais notícias
do esporte de Santa Catarina e do Brasil na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Futebol Internacional

Loading...