Lionel Messi no Manchester City por R$ 300 milhões. É pouco?

Manchester City deve ser a nova casa de Lionel Messi, que está insatisfeito no Barcelona. Valor da negociação é estratosférico

Para muitos, Lionel Messi já tem endereço certo em 2021: vai para o Manchester City, de Pep Guardiola. O argentino vai ficar livre no meio do próximo ano, mas o clube inglês quer acelerar o processo de liberação. A ideia é contar com seu futebol na janela de janeiro. Mas o Barça não quer abrir mão de sua estrela e joga duro.

Messi se tratava há quatro anos com Giuliano Poser e tinha uma dieta restrita, que ajudou o craque a tratar lesões (Foto: Lluis Gene/AFP) – Foto: Divulgação/NDMessi se tratava há quatro anos com Giuliano Poser e tinha uma dieta restrita, que ajudou o craque a tratar lesões (Foto: Lluis Gene/AFP) – Foto: Divulgação/ND

Assim os dirigentes ingleses preparam uma estratégia que passa pelo pagamento de uma boa soma financeira e do envolvimento do zagueiro e lateral direito francês Eric García.

Leia também

Neymar com funkeira: boleiros que se envolveram com musas artistas
Deschamps dá resposta ao PSG sobre convocação de Mbappé

O dinheiro que o Manchester City quer investir é 50 milhões de euros (mais de R$ 300 milhões). Há o entendimento que este valor não poderá ser recusado pelo Barça, que atravessa uma grave crise financeira por conta das últimas administrações e pela pandemia do Coronavírus. Além disso é a chance de receber um valor por um jogador que pode ficar livre de graça em questão de seis meses.

Mas sabendo que o Barcelona vai tentar engrossar o Manchester City pode incluir Garcia. O espanhol é um alvo antigo da diretoria do Barcelona e também ficará livre no meio do ano. Assim os ingleses acreditam que podem seduzir os dirigentes do Barcelona.

No entanto, existe um outro fator importante antes do plano ser colocado em prática. É preciso que o próprio Lionel Messi manifeste o desejo de sair. Isso porque desde a renúncia do presidente Josep Bartomeu o craque parece mais à vontade no Nou Camp. Além disso ele entrou em uma boa convivência com o técnico Ronald Koeman.

Messi tem em seus familiares o desejo que ele permaneça no Barcelona. Mas o que pesa favoravelmente ao Manchester City é o desejo de voltar a trabalhar com Pep Guardiola. Além disso ele deseja muito jogar a Premier League. Assim a novela promete esquentar nos próximos dias.

+

Futebol Internacional