Paraguai tem sido uma parada indigesta para a Seleção Brasileira

Seleções se enfrentam nesta terça pelas Eliminatórias. Brasil tem 100% de aproveitamento, mas Paraguai pode dar trabalho para a Seleção Brasileira

Rival da Seleção Brasileira nesta terça-feira, o Paraguai quer se impor em Assunção pelas Eliminatórias sul-americanas para a Copa do Mundo de 2022. As duas equipes se enfrentam a partir das 21h30(de Brasília) no Estádio Defensores del Chaco. Mas o Brasil, se depender do histórico recente, pode esperar problemas. O Paraguai tem sido uma parada indigesta para a Seleção Brasileira.

Paraguai tem dado trabalho ao Brasil – Foto : Pedro Martins / MowaPressParaguai tem dado trabalho ao Brasil – Foto : Pedro Martins / MowaPress

O Paraguai já causou turbulência no Brasil em campo. Foram duas eliminações seguidas em Copa América. Em 2011, pelas quartas de final, após empate sem gols, o jogo foi para os pênaltis. A Seleção errou as quatro cobranças, sendo que Elano e André Santos isolaram. Técnico da época, Mano Menezes sofreu críticas.

MAIS! Os artilheiros da Eurocopa

Em 2015, com Dunga no comando, nova eliminação nos pênaltis nas quartas de final da Copa América. No tempo normal, o Brasil saiu na frente com Robinho, mas Thiago Silva fez um pênalti bobo e o Paraguai empatou. Éverton Ribeiro e Douglas Costa desperdiçaram e a Seleção caiu mais uma vez para os paraguaios.

MAIS! Relembre craques que decidiram a Copa América

As duas equipes voltaram a se enfrentar nas quartas de final da Copa América de 2019 e pela terceira vez seguida a decisão foi para os pênaltis. O Brasil, desta vez, conseguiu espantar o fantasma e se classificou.

Brasil leva vantagem nos números

Nas Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018, o Brasil de Dunga escapou de perder nos acréscimos. No Defensores Del Chaco, o Paraguai abriu 2 a 0, mas Ricardo Oliveira diminuiu e Daniel Alves, aos 47 da etapa final, deixou tudo igual, em 2016.

Apesar do histórico recebe o Brasil tem amplo domínio no duelo. Em 80 partidas, os brasileiros venceram 47 vezes, empataram 22 e perderam apenas 11. A Seleção pentacampeã mundial marcou 173 gols e sofreu 66, registrando um saldo de 107 gols.

MAIS! Veja 20 talentos para ficar de olho na Eurocopa

Participe do grupo e receba as principais notícias
do esporte de Santa Catarina e do Brasil na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Futebol Internacional