VÍDEO: Há quatro anos, Brasil era eliminado pela Bélgica e dava adeus ao sonho do hexa

Duelo entre Brasil e Bélgica ficou marcada por uma chance incrível perdida por Renato Augusto já na reta final da partida

O dia 6 de julho marca uma data com lembranças não tão boas para o torcedor brasileiro. Há exatos quatro anos, o Brasil era eliminado da Copa do Mundo após perder para a Bélgica por 2 a 1 na Arena Kazan, na Rússia.

Brasil é eliminado da Copa do Mundo da Rússia ao perder por 2 a 1 para a BélgicaBrasil é eliminado da Copa do Mundo da Rússia ao perder por 2 a 1 para a Bélgica, nas quartas de final – Foto: AFP

Na web, diversos usuários relembraram a chance perdida por Renato Augusto já na reta final do confronto. De frente para a meta defendida por Courtois, o camisa 8 brasileiro acabou finalizando para fora no que seria o o gol de empate.

“Cada vez que eu assisto os melhores momentos de Brasil x Bélgica eu fico mais p***. Inacreditável termos perdido aquele jogo. Amassamos os caras”, disse um internauta.

“Hoje é dia de ver os melhores momentos de Brasil e Bélgica com aquele aperto no coração”, disse outro.

“O Brasil amassou a Bélgica, o jogo foi perdido no detalhe, mas faz parte, esse ano o hexa vem pra casa”, afirmou outro se referindo a Copa do Mundo de 2022.

Relembre o jogo

Brasil e Bélgica ficaram frente a frente na Copa do Mundo da Rússia após passarem por México e Japão, respectivamente, nas oitavas de final do Mundial.

A seleção canarinho começou melhor e chegou a acertar a trave com Thiago Silva. No entanto, na bola parada a Bélgica saiu na frente. Após escanteio, Fernandinho cabeceou contra o próprio patrimônio para abrir o placar.

Ainda no primeiro tempo veio o segundo gol. Após contra-ataque, Lukaku tocou para De Bruyne mandar uma bomba de fora da área para ampliar.

Tite voltou do intervalo com Firmino na vaga de Willian, apagado no jogo. Logo no início da segunda etapa, Gabriel Jesus fez grande jogada e foi derrubado na área: pênalti ignorado pela arbitragem.

Tite fez mais duas mexidas lançando Douglas Costa e Renato Augusto nas vagas de Gabriel Jesus e Paulinho. O Brasil seguiu em cima e conseguiu diminuir com o próprio Renato Augusto.

O gol deu ânimo para os comandados de Tite que aumentaram ainda mais a pressão, mas acabaram parando em atuação exuberante de Courtois. Renato Augusto ainda perdeu a chance do jogo batendo para fora e lance que tira o sono dos brasileiros até hoje.

Neymar na derrota do Brasil para a Bélgica – Foto: AFPNeymar na derrota do Brasil para a Bélgica – Foto: AFP

Naquele dia, Tite escalou o Brasil com: Alisson; Fágner, Thiago Silva, Miranda e Marcelo; Fernandinho, Paulinho (Renato Augusto) e Philippe Coutinho; Willian (Firmino), Gabriel Jesus (Douglas Costa) e Neymar.

Participe do grupo e receba as principais notícias
do esporte de Santa Catarina e do Brasil na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Futebol Internacional

Loading...