Final da Liberta: Tigres não venderá entradas para a torcida do River

Presidente do clube mexicano alega que torcida local comprou todos os ingressos dos visitantes e justifica decisão: 'Não interferimos na venda dos bilhetes'

Divulgação

A primeira polêmica da final da Copa Libertadores veio à tona nesta sexta-feira. O presidente do Tigres, Alejandro Rodríguez, afirmou que não venderá entradas para os torcedores do River Plate para a partida de ida, disputada na próxima quarta-feira, em Monterrey.

– Temos uma relação fantástica com o River Plate desde o primeiro jogo, na fase de grupos. Mas, quando nossa torcida quer ocupar o lugar do visitante, não interferimos. Todos os lugares do estádio já estão vendidos – anunciou o mandatário do clube mexicano.

O Tigres tem a chance de ser o primeiro mexicano a ganhar uma Libertadores. Cruz Azul e Chivas bateram na trave, em 2001 e 2010, respectivamente.

Já o River Plate volta a uma final de Libertadores após 19 anos de ausência. O time argentino, que decide em casa, no Monumental de Núñez, busca o tricampeonato da competição.

Os dois times já se enfrentaram duas vezes nesta edição do torneio. Em Buenos Aires, empate de 1 a 1. Já em Monterrey, nova igualdade, desta vez, por 2 a 2.

Participe do grupo e receba as principais notícias
do esporte de Santa Catarina e do Brasil na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
Loading...