Conteúdo por Gazeta Esportiva

Após ônibus do Benfica ser apedrejado, atletas feridos se manifestam

O alemão Julian Weigl e o sérvio Andrija Zivkovic se manifestaram após o apedrejamento do ônibus do Benfica na última quinta-feira. Os dois jogadores se feriram com estilhaços de vidro, mas garantiram que estão bem.

Julian Weigl alertou para a gravidade do ato e destacou que o momento é de união: “Tivemos muita sorte! Todos cometemos erros, mas houve uma linha que foi ultrapassada. Apedrejar um ônibus sem se importar se alguém fica ferido? Sei que os verdadeiros torcedores do Benfica não são assim! As últimas semanas deveriam ter mostrado que a melhor solução é ficarmos juntos, em vez de literalmente se atirar pedras ao outro!”.

Zivkovic, por sua vez, tranquilizou seus seguidores quanto ao ferimento e agradeceu as mensagens de apoio que ambos os atletas têm recebido nas últimas horas.

“Gostaríamos de informar que estamos bem. Infelizmente, este comportamento é injustificável. No entanto, garantimos que continuaremos a lutar pelo SL Benfica e a dar tudo! Muito obrigado por todos os desejos de recuperação e pelo grande apoio!”, afirmou o meia.

O ato de vandalismo ocorreu após o empate em 0 a 0 entre Tondela e Benfica, em uma rodada que marcou o retorno do Campeonato Português após a paralisação por conta da pandemia do novo coronavírus.

0 Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

+ Futebol