Avaí joga para confirmar vaga na semifinal no Sesi

Figueirense já jogou oito partidas no Scarpelli, venceu seis e empatou duas

Arquivo Pessoal/ND

Túnel do tempo
Vestiário do Figueirense na década de 70. Estão sentados os jogadores Casagrande (E), Sebinho e Marquinhos. Em pé, todo de branco, o preparador físico Iberê Rosa. Já o Jailson Colombi (com o apito) ouve as orientações.

Divulgação/ND

Confiantes
Do lado dos avaianos, a confiança em uma vitória aumentou depois do último domingo, quando o Leão venceu o Joinville. Os pequenos avaianos esperam por uma classificação honrosa para a semifinal.

Ambiente
Quando um ambiente está deteriorado, nem o mais rico do mundo consegue dar jeito. E não há dinheiro que pague, por exemplo, o que está acontecendo com o Criciúma. Muitos jogadores não entenderam o projeto da diretoria e estão jogando tudo fora.

Guerreiros
Transmitir futebol é caro e dá trabalho, além de necessitar de uma equipe que pegue junto com o comandante, como é o caso dos profissionais da rádio Mais Alegria AM 1060, com o comando do Zequinha e dos guerreiros Rafael Teixeira e Márcio Falcão.

Começo
Uma primeira reunião, ontem, com presidentes de clubes, deu início ao projeto da RICTV para transmissão do Campeonato Catarinense de 2013. A ideia pegou e podemos ter novidades no ano que vem.

Mais um
Hudson Coutinho, que durante anos foi preparador físico do Figueirense, é mais um que vai tentar a carreira de treinador, já que aceitou o desafio de comandar os juniores do Guarani de Palhoça. A meta dele, claro, é treinar um grupo de profissionais em breve.

Absoluto
O Figueirense receberá o Camboriú em sua nona partida como mandante neste Catarinense, estádio onde supera todos os seus adversários, menos o Avaí e o Joinville. Nos outros seis jogos, venceu e não deixou de fazer menos de três gols em cada partida.

Lição
Há duas possibilidades para o Avaí, em Blumenau: vencer e classificar ou perder e ser eliminado. Será, portanto, oito ou 80. Se for eliminado, fica a lição de não empurrar algumas coisas com a barriga, como por exemplo, a insistência e a teimosia de manter um treinador muito tempo sem o aval do elenco. Se ganhar, embala e aí ninguém segura, inclusive o rival Figueirense.

Bola Cheia
No dia 28 teremos um grande jogo de futsal aqui em Florianópolis: o Floripa Futsal receberá o Corinthians, que deve levar um grande público ao ginásio. Valci Moreira conta com a presença dos apaixonados pelo futsal e quer superar o Timão.

Bola Murcha
O gramado do estádio Índio Condá está uma lástima e não condiz com a grandeza da Arena Condá e com todo o esforço do poder público e da comunidade por um Verdão mais fortalecido. Será um adversário para Chapecoense e Criciúma, sujeito a lesões sérias.