Diretoria do Tubarão pede adiamento de partida, mas FCF nega solicitação

Documento foi enviado pela direção do clube na última quinta-feira (25) onde pede o adiamento por conta do curto período para treinos

O Avaí não é o único clube com pendências envolvendo a nova data das partidas finais do Campeonato Catarinense. O Departamento Jurídico do Tubarão enviou um documento oficializando o pedido de adiamento da partida contra o Concórdia, no dia 12 de julho. O confronto decide quem permanecerá na elite do estaudal para a temporada 2021.

Equipe enviou documento à FCF pedindo o adiamento – Foto: Reprodução/NDEquipe enviou documento à FCF pedindo o adiamento – Foto: Reprodução/ND

No entanto, a FCF (Federação Catarinense de Futebol) acabou negando a solicitação da equipe do Sul do Estado. Como resultado, a data dos jogos segue a mesma anunciada pela entidade no início deste mês.

Em documento assinado pelo diretor executivo do Tubarão, João Albeto Zappoli, a falta de treinos, que foi permitido o retorno apenas na última quinta-feira (25), prejudicaria o clube nos confrontos com a equipe do oeste.

Leia também: 

Segundo o clube, a solicitação já havia sido feita em outros momentos como, por exemplo, na reunião da última terça-feira (23), mas foi oficializada com o envio do documento na última quinta-feira (25).

O Peixe reforça que está tentando com a FCF para que se adie os jogos dentro das datas que seriam possíveis para o Concórdia jogar. O Galo do Oeste alega que tem contratos sendo vencidos em 21 ou 23 de julho e por isso não poderiam atuar a partir do dia 24.

No entanto, por volta das 15h, o clube ainda não havia recebido uma resporta oficial. Segundo a FCF, a equipe ainda pode recorrer da decisão, caso sinta-se no direito.

Até o momento, a primeira partida contra o Concórdia está marcada para o dia 12 de julho, com o Tubarão sendo o mandante. Já a partida de volta acontece no dia 19 de julho. Os dois jogos pela fuga do rebaixamento acontecerão às 16h.

0 Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

+ Futebol