Em comum acordo, diretoria do Criciúma rescinde contrato com o atacante

Aos 25 anos, Taylon, contratado em janeiro, teve apenas quatro aparições com a camisa do Carvoeiro; clube segue preparação para a volta do Catarinense, agendada para o dia 8

O Criciúma comunicou nesta quinta-feira (18) que o atacante Taylon não faz mais parte do elenco visando a retomada do Campeonato Catarinense. Em acordo com o jogador, a diretoria optou pela rescisão contratual do atleta.

Taylon, atacante do Criciúma – Foto: Fernando Ribeiro/EC Criciúma

Taylon, 25 anos, foi contratado em janeiro e teve apenas quatro oportunidades com a camisa do Criciúma na temporada de 2020, sem marcar qualquer gol. Com a paralisação do futebol por conta da pandemia causada pelo novo coronavírus, tanto jogador quanto o clube decidiram por rescindir o vínculo.

O atleta foi revelado pelo Votuporanguense-SP e teve rápida passagem pela Inter de Limeira antes de atuar no futebol de Malta. Passou ainda por Bulgária e Emirados Árabes Unidos.

Treinos

Sem jogador ou funcionário com Covid-19 em seu plantel, o Criciúma iniciou os treinamentos presenciais na quarta-feira, no Centro de Treinamento Antenor Angeloni, em Criciúma (SC). Nesta quinta fizeram testes físicos e iniciaram o treinamento com bola.

O Criciúma se prepara para retornar ao Campeonato Catarinense no próximo dia 8 de julho, uma quarta-feira, quando enfrentará o Marcílio Dias, no estádio Heriberto Hulse, em Criciúma, pela rodada de ida das quartas de final.

+

Futebol