Conteúdo por Gazeta Esportiva

Parreira comenta momento contrastante dos técnicos de Corinthians e São Paulo

Antes da paralisação forçada das competições por conta da pandemia da covid-19, Corinthians e São Paulo atravessavam momentos contrastantes no Campeonato Paulista. Enquanto o Timão amargava a terceira colocação do Grupo D, o Tricolor havia conquistado três vitórias em cinco jogos e já se aproximava da liderança geral.

Parreira falou sobre Tiago Nunes e Fernando Diniz

Apesar da má fase do Corinthians, Carlos Alberto Parreira, que venceu a Copa do Brasil e Torneio Rio-São Paulo como comandante do clube em 2002, acredita no sucesso de Tiago Nunes e frisou a importância de que se tenha calma.

“Ninguém discute as qualidades do Tiago, mas a pressão ali é grande. Se apostou nele, vamos manter, vamos dar crédito e confiança para que ele possa desenvolver o trabalho”, comentou, em participação ao programa Jogo Abeto, da Band.

Questionado a respeito do desempenho de Fernando Diniz no São Paulo, clube no qual ele também foi treinador, Parreira não poupou elogios.

“Eu acho o Fernando excepcional, eu o contrataria, mas o pessoal fala de posse de bola, isso foi extrapolado na época do Barcelona do Guardiola, troca muitos passes. Futebol brasileiro nunca foi diferente, posse de bola, habilidade técnica Ele faz muito bem”, destacou, acrescentando sobre a necessidade de vencer um torneio.

“Diniz confia nisso, saindo jogando, mas a sempre saiu jogando. Ele faz isso como uma religião. As ideias são boas, torço para que conquiste um título para se afirmar”, concluiu.

Participe do grupo e receba as principais notícias
do esporte de Santa Catarina e do Brasil na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.