Conteúdo por Gazeta Esportiva

Santos mantém cautela com Yuri Alberto mesmo após vitória na Justiça por Bambu

O Santos comemora a vitória na Justiça contra o Athletico-PR no caso de Robson Bambu e destaca o precedente positivo para os clubes formadores, mas não vê vantagem com a situação semelhante de Yuri Alberto e a negociação pela primeira renovação.

O Peixe acredita em dificuldade maior quando o processo é internacional. A conquista na CNRD (Câmara Nacional de Resolução de Disputas) foi inédita no Brasil. O Alvinegro conversa com o Furacão a forma para o pagamento de R$ 7 milhões.

O objetivo dos representantes de Yuri é oferecer um projeto de carreira na Europa. E uma ação no exterior, por meio da Fifa, é mais complexa. O exemplo é Giovanni Manson.

Giovanni não renovou com o Santos e foi para a Holanda acertar com o Ajax ainda em 2019. E até agora o Peixe não recebeu nem a compensação pela formação, calculada em 500 mil euros (R$ 3 mi), muito menos qualquer multa pelo direito do primeiro contrato profissional.

Desta forma, o Alvinegro mantém cautela sobre Yuri Alberto diante do silêncio dos empresários e familiares. O estafe analisa propostas e deve definir o futuro apenas dias antes do fim do vínculo, em 31 de julho.

+ Futebol