Conteúdo por Gazeta Esportiva

Santos tem superávit de R$ 16 milhões no primeiro trimestre de 2020

Nesta quinta-feira, o Santos apresentou o balanço financeiro dos primeiros três meses deste ano, através de seu site oficial. De acordo com o relatório divulgado, o clube fechou o trimestre com um superávit de R$ 16,16 milhões. O valor é R$ 1,48 milhão (8,44%) menor do que o orçado para o período.

O balanço mostra que o Santos arrecadou R$ 21.017.539 em vendas de direitos federativos e empréstimos, R$ 6,35 milhões abaixo do orçado. Já nas despesas, o clube teve R$ 51.475 mil, também referentes a direitos federativos, empréstimos e comissões, além de R$ 4,8 milhões em reclamações trabalhistas.

Já em relação às receitas recorrentes, o Peixe embolsou R$ 43 milhões, muito próximo do orçado para o trimestre. Nas despesas administrativas, o clube teve um gasto de R$ 6,14 milhões, com cerca de R$ 441 mil a menos do que foi orçado.

Apesar do superávit do primeiro trimestre, a situação financeira preocupa para o restante da temporada, principalmente pelo impacto da pandemia nos cofres dos clubes pelo Brasil. O clube tentou acordo com os jogadores para diminuir os salários no período, mas o próprio presidente José Carlos Peres admitiu que houve falha na comunicação. A falta de receitas para os próximos meses preocupa a diretoria santista.

0 Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

+ Futebol