Conteúdo por Gazeta Esportiva

Você sabia? Em 1968, Corinthians quebrou tabu de 11 anos contra o Santos

Capa do jornal A Gazeta Esportiva do dia 7 de março de 1968

No jogo da quebra do tabu, o Corinthians, então comandado por Lula, entrou em campo formado por: Diogo, Osvaldo Cunha, Ditão, Luís Carlos e Maciel; Édson Cegonha e Rivelino; Buião, Paulo Borges, Flávio e Eduardo.

Já o Santos foi escalado por Antoninho com: Cláudio, Carlos Alberto Torres, Ramos Delgado, Joel e Rildo; Lima e Negreiros; Kaneko, Toninho, Pelé e Edu.

Para dar fim à marca negativa, o clube da capital paulista contou com gols de Paulo Borges e Flávio, marcados aos 13 e 31 minutos do segundo tempo, respectivamente.

Ao citar a vitória em seu site oficial, o Corinthians caracterizou o resultado como “inesquecível” e relembrou o coro da Fiel na comemoração: “Com Pelé, com Edu, nós quebramos o tabu!”.