Drika Evarini

adrieli.evarini@ndmais.com.br Opinião, novidades, contratações e bastidores do esporte joinvilense e muito mais. Apaixonada por futebol, basquete, futsal e tudo que envolve o mundo do esporte, está sempre atenta a tudo que acontece dentro e fora dos campos e das quadras.


Chegaram os playoffs: JEC Futsal enfrenta a Intelli na Liga Nacional

Tricolor encara a Intelli no primeiro mata-mata em busca do segundo título da LNF

A fase mais importante da temporada chegou e com ela muita expectativa para a torcida tricolor. O JEC Futsal quer mais um título da Liga Nacional e, para isso, terá mais quatro adversários pela frente, o primeiro deles é a Intelli, equipe que o Tricolor enfrenta neste domingo (24), às 11h, no primeiro jogo das oitavas de final da LNF.

JEC Futsal encara a Intelli no primeiro jogo das oitavas de final da Liga Nacional – Foto: Juliano Schmidt/JEC Futsal/Divulgação/NDJEC Futsal encara a Intelli no primeiro jogo das oitavas de final da Liga Nacional – Foto: Juliano Schmidt/JEC Futsal/Divulgação/ND

O JEC Futsal se classificou com uma campanha regular de oito vitórias, dois empates e quatro derrotas, o que fez do Tricolor, o terceiro do grupo B. Além disso, é do Joinville o segundo melhor ataque de toda a competição.

Já a Intelli, que estava no grupo A, avançou às oitavas com a quarta colocação, em uma campanha de cinco vitórias, três empates e quatro derrotas. Na classificação geral, sexto lugar para o Tricolor, 11º para o time paulista. Para a partida, o técnico Daniel Jr. continua com os desfalques dos pivôs Genaro e Arthur, que se recuperam de lesão.

Daniel Jr. ressalta a dificuldade do confronto, que acontece no ginásio Adib Moisés Dib, em São Bernardo do Campo. “É o período mais importante do ano. Enfrentamos a Intelli, uma equipe que tem grande tradição no futsal paulista e nacional, com um grande treinador que é o Cidão. Sabemos a dificuldade que vai ser jogar lá pela experiência do treinador e de alguns atletas”, avalia.

Mas, ao mesmo tempo que reconhece e valoriza o time adversário, Daniel Jr. também reconhece a força do elenco tricolor, que não perde desde a final da Taça Brasil, no dia 31 de julho. “Temos uma equipe qualificada, que pode surpreender lá e trazer o melhor resultado possível para nós, que é a vitória”, finaliza.

O jogo de volta acontece no Centreventos Cau Hansen, no sábado (30), às 11h.

Participe do grupo e receba as principais notícias
do esporte de Santa Catarina e do Brasil na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
Loading...