Drika Evarini

adrieli.evarini@ndmais.com.br Opinião, novidades, contratações e bastidores do esporte joinvilense e muito mais. Apaixonada por futebol, basquete, futsal e tudo que envolve o mundo do esporte, está sempre atenta a tudo que acontece dentro e fora dos campos e das quadras.


Com gol no último minuto, JEC Futsal e Jaraguá empatam no Estadual

Tricolor abriu 3 a 0, mas Aurinegro buscou o empate jogando diante de sua torcida na Arena Jaraguá

Quatro gols no segundo tempo, três dos donos da casa, gol no minuto final, torcida incendiando a Arena e um jogo digno do clássico. JEC Futsal e Jaraguá ficaram no empate em 3 a 3 na noite desta quarta-feira (6) pelo Estadual e, com o resultado, o Tricolor mantém a invencibilidade e a liderança isolada da competição.

JEC Futsal abriu 3 a 0, mas Jaraguá buscou o empate no clássico pelo Estadual – Foto: Juliano Schmdit/JEC Futsal/Divulgação/NDJEC Futsal abriu 3 a 0, mas Jaraguá buscou o empate no clássico pelo Estadual – Foto: Juliano Schmdit/JEC Futsal/Divulgação/ND

Mas, quem saiu aliviado foi o torcedor aurinegro. Depois de estar perdendo por 3 a 0, o time da casa buscou o empate e jogou a pressão para o JEC nos segundos finais da partida. Genaro, Caio e Daniel Shiraishi marcaram os gols tricolores. Pelo lado do Jaraguá, Neto, Willian Bolt e Eka balançaram a rede.

Com quatro desfalques, o JEC entrou em quadra com Willian, Léo, Evandro, Pepita e Genaro e começou pressionando os donos da casa, jogando no ataque sem deixar o Aurinegro fazer valer o mando de quadra

O primeiro gol não demorou e veio dos pés de Genaro aos 4 minutos. Pepita avançou pela direita e tocou em Léo na esquerda, no clássico modo de jogar do Tricolor, trocando passes e se movimentando em quadra. O fixo chutou cruzado e, bem colocado na trave esquerda de João Neto, Genaro só tocou para abrir o placar.

O Joinville continuou pressionando, subindo a marcação para atrasar a saída e tentar provocar o erro do Jaraguá e conseguiu. Apesar de melhorar na partida, o Aurinegro falhou e o Tricolor não desperdiçou.

Aos 18 minutos, João Neto jogava adiantado quando o JEC pressionou e se posicionou para quebrar a linha de passe na meia quadra. Eka errou, Pepita e Caio avançaram e, após troca de passe, Caio recebeu e, sem goleiro, tocou no gol vazio para ampliar.

Na segunda etapa quem voltou pressionando e ocupando a quadra de ataque foi o Jaraguá, que não demorou para levar perigo ao gol de Willian.

Mas, quem marcou foi o JEC. O goleiro Willian adiantou com a bola, levantou a cabeça e deu passe direto da quadra de defesa para a área aurinegra. Daniel Shiraishi estava bem posicionado na área, nas costas da marcação, recebeu sozinho e rolou para anotar o terceiro gol tricolor.

Se a vitória parecia encaminhada, o Jaraguá não estava disposto a perder dentro da Arena e começou a reação já aos 17 minutos. Após passe de Eka, Neto chutou de fora da área, a bola bateu na trave, voltou nas costas de Willian e entrou.

Menos de um minuto depois, novamente em jogada de Eka, Willian Bolt recebeu quase na linha de fundo e chutou rasteiro para diminuir o placar.

Já no último minuto foi a vez de Eka, que já tinha duas assistências, marcar o seu e fazer valer a lei do ex. Após lançamento de João Neto, Willian Bolt recebeu na linha de fundo e atravessou o passe na área. O camisa 14 entrava sozinho e bateu firme para empatar e levantar a torcida aurinegra.

O JEC ainda tentou chegar ao quarto gol nos segundos finais, mas o cronômetro zerou com o empate no placar no maior clássico catarinense. Com o resultado, o Tricolor segue na liderança isolada e agora volta as atenções para a Liga Nacional, onde enfrenta o Sorocaba no domingo (10), às 11h.

Participe do grupo e receba as principais notícias
do esporte de Santa Catarina e do Brasil na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
Loading...