Confira como foi a rodada dos catarinenses na Liga Nacional de Fustal

Das três equipes que jogaram na noite da última quarta-feira, apenas o Tubarão venceu e se aproximou da parte de cima da tabela

O Jaraguá perdeu sua invencibilidade na LNF (Liga Nacional de Fustal). A equipe catarinense acabou perdendo por 3 a 1 para o Umuarama, na última quarta-feira (9), no Paraná. O Joaçaba também perdeu e se complicou ainda mais na tabela, com apenas um ponto e a lanterna do grupo  C. No entanto, Tubarão venceu a primeira e se aproximou do topo da tabela.

Marcinho marcou o gol da vitória do Tubarão – Foto: Divulgação/LNF/ND

Aos 15 minutos do primeiro tempo, o ala Caio Jotinha fez o pivô, marcado por dois jogadores do Jaraguá, e rolou para o também ala Ouchita soltar a bomba da entrada na área, pondo o Umuarama à frente. A 20 segundos do intervalo, o ala Batista roubou a bola e tocou para Caio Jotinha, que ampliou para o time da casa.

Na etapa final, o Jaraguá teve o ala João Guilherme expulso. Mesmo assim, aos 11 minutos, a equipe diminuiu com Oitomeia. O ala avançou pela esquerda, quase até a linha de fundo, e chutou forte, surpreendendo o goleiro Alê Falcone.

Os catarinenses adotaram a estratégia do goleiro linha atrás do empate, mas, a 30 segundos do fim, o ala Mura se antecipou à troca de passes e arrematou para o gol vazio, garantindo a vitória do Umuarama e decretando a primeira derrota do Jaraguá, que caiu para o quarto lugar, com três pontos.

Joaçaba na lanterna do grupo

Em Pato Branco (PR), o pivô Thiago Selbach abriu o placar para os donos da casa contra o Joaçaba, aos seis minutos, após tabelar na entrada da área. Se não bastasse, o ala Jhonny ainda foi expulso, ainda no primeiro tempo. Na etapa final, logo aos dois minutos, o ala Mazetto aproveitou a falha da defesa e ampliou para os atuais bicampeões da LNF.

Três minutos depois, o clima esquentou entre os alas Lucas Selbach, do Pato, e Bruno Seixas, do Joaçaba, que discutiram por causa de um lateral e receberam cartões vermelhos. Para complicar a situação do time visitante, o ala Neguinho aumentou a vantagem dos paranaenses, aos 14 minutos. Aos 17, atacando com o goleiro linha, o ala Yan diminuiu, mas sem mais tempo para reação.

O tropeço manteve o Joaçaba com um ponto ganho em três partidas, na lanterna do Grupo C. O Pato, com a segunda vitória no campeonato, foi a sete pontos, em segundo na chave.

Tubarão representa com a única vitória catarinense

Na partida que encerrou a noite de futsal pela LNF, o Tubarão superou o Campo Mourão, fora de casa, e venceu a primeira na competição. O ala Suelton tomou a bola na defesa, partiu em velocidade e abriu o placar para os catarinenses, aos 18 do primeiro tempo.

Aos seis da etapa final, o fixo Alemão deixou tudo igual. Mas, aos 11, o goleiro Marcinho acertou uma bomba do meio da quadra, no ângulo, recolocando o time visitante à frente.

A vitória levou o Tubarão aos quatro pontos e ao terceiro lugar do Grupo C. Estacionado nos dois pontos após quatro jogos, o Campo Mourão caiu para quinto lugar na chave.

Confira a classificação do Grupo C

Das sete equipes, três são de Santa Catarina – Tubarão, Jaraguá e Joaçaba – Foto: Reprodução/LNF/ND

+

Futsal