JEC Futsal: Os gols de Caio agora serão tricolores

JEC Futsal anuncia a contratação do ala Caio, que defendeu o Corinthians nas últimas duas temporadas

O torcedor joinvilense conhece o novo reforço, mas se no passado ele foi motivo de tristeza, marcando um dos gols que tirou o título da Copa do Brasil do Tricolor, agora a promessa é de gols e títulos, mas dessa vez com a camisa preta, branca e vermelha.

Caio garante que a equipe continuará brigando por títulos – Foto: LNF

O ala Caio, de 33 anos, é o novo reforço do JEC. Com duas temporadas no Corinthians e boas passagens por Minas e Intelli, além do futsal russo, o ala direito acumula títulos no currículo.

Apesar de nunca ter jogado por um clube do Sul do país, a adaptação do ala não deve ser difícil. Caio já dividiu a quadra com Igor Carioca, Xuxa e Dieguinho, com quem teve bons momentos na Intelli.

Na última temporada, o ala teve uma grave lesão que o tirou de boa parte da temporada. “Foi a minha primeira lesão na carreira. Estou em recuperação ainda, em fase de repouso, mas na pré-temporada estarei 100% no Joinville”, garante.

Velocidade deve ser a tônica do time

Ciente da reformulação da equipe, Caio afirma que o Joinville continuará sendo competitivo e as manutenções e contratações vão manter o nível que o torcedor está acostumado. Um ponto importante, para ele, foi a manutenção de uma base forte. “A reformulação está acontecendo, mas o Joinville manteve a base, uma base vencedora. Nós vamos brigar por título em 2020. Com um pouco de paciência, vamos brigar por título”, ressalta.

O ala conta que já teve sondagens do Joinville em outras oportunidades e garante que sempre teve vontade de defender as cores do Tricolor. “Dessa vez acabou dando certo. Eu tive a sorte de marcar gols contra o Joinville e espero marcar muitos mais com o Joinville”, diz.

Caio está finalizando recuperação de lesão – Foto: LNF

Com a nova cara que o JEC está mostrando, Caio acredita que uma das principais características da equipe deva ser a velocidade. “Eu acredito que o estilo de jogo será a velocidade, são todos jogadores velozes e acho que essa vai ser a tônica do time”, complementa.

Ao comandante resta a missão de trabalhar o entrosamento da equipe e o ala acredita que essa será a preocupação de Daniel Júnior no início da temporada. A preparação e pré-temporada é, inclusive, fundamental para o sucesso da equipe, afirma Caio. “Na minha opinião, esse trabalho conjunto desde o início é fundamental. Já peguei uma situação como a do Xuxa e do Dieguinho, de pegar a temporada no meio e faz muita diferença”, analisa.

“Vou suar a camisa do JEC”

A torcida joinvilense deixou ótima impressão no ala que lembra bem da final da Copa do Brasil de 2018. “A torcida me marcou muito naquele jogo. Foi um jogo muito difícil, nós estávamos melhores, mas o JEC se encheu de força por causa da torcida”, relembra.

Ao torcedor, aliás, Caio deixa um recado. “Podem esperar que eu vou suar a camisa do JEC, vou jogar com o coração”, garante.

O jogador será apresentado na segunda quinzena de janeiro, junto com todo o elenco que deve disputar a temporada.

Leia também:

+

Futsal