JEC/Krona enfrenta o Juventude pela Liga Nacional

Tricolor joga neste domingo (23), no Sesc, e quer reencontrar a vitória na competição nacional

A comemoração terminou, a taça da Recopa SC está em Joinville e, agora, o JEC/Krona volta as atenções para a Liga Nacional. Neste domingo (23), o Tricolor enfrenta o Juventude (MS), estreante na competição nacional. A bola rola às 11h.

JEC/Krona vem de duas vitórias e uma derrota na Liga Nacional – Foto: Juliano Schmidt/JEC/Krona/Divulgação/NDJEC/Krona vem de duas vitórias e uma derrota na Liga Nacional – Foto: Juliano Schmidt/JEC/Krona/Divulgação/ND

Depois da derrota para o Carlos Barbosa na Serra Gaúcha, o JEC/Krona precisou lidar com outra partida ruim e um revés diante do Joaçaba no primeiro jogo da Recopa, mas corrigiu os erros e fez valer a força do time jogando em casa para conquistar o primeiro título do ano. Na Liga Nacional, o time comandado pelo técnico Daniel Jr. quer reencontrar a vitória e voltar para a liderança do grupo B.

Com duas vitórias e uma derrota, o Tricolor está na vice-liderança atrás, justamente, do Carlos Barbosa. Mas, a boa fase do ala Evandro é uma das principais armas para conquistar a vitória. O “recém-chegado” é um dos artilheiros do time e comemora a boa fase. “Estou muito feliz pelo que vem acontecendo. Estou a cada dia mais confiante com a ajuda de todos. Eu não esperava um começo assim e estou muito feliz, vou continuar trabalhando para fazer os gols e ajudar a equipe”, fala.

Evandro é um dos destaques do time na temporada e divide a artilharia com o pivô Genaro – Foto: Juliano Schmidt/JEC/Krona/Divulgação/NDEvandro é um dos destaques do time na temporada e divide a artilharia com o pivô Genaro – Foto: Juliano Schmidt/JEC/Krona/Divulgação/ND

As duas derrotas consecutivas, diz, foram importantes para que a equipe pudesse corrigir as falhas no início da temporada. “Foi importante acontecer agora, no começo, para arrumarmos os erros. Somos uma grande equipe, com muita qualidade técnica, com jogadores bons individualmente, e encaixando o conjunto, tenho certeza que faremos uma ótima temporada”, salienta.

Um dos capitães do time, o ala Xuxa comemora a boa atuação no jogo do título e, apesar de admitir que o time apresentou uma queda de rendimento, coloca a última partida como um molde para a atuação da equipe. “O jogo contra o Joaçaba precisa servir de molde para os próximos jogos. Esperamos dar uma boa sequência nos jogos em casa para chegar bem na Taça Brasil. Agora temos o jogo contra o Juventude e esperamos sair com a vitória. Melhoramos muito, o jogo contra o Joaçaba foi impecável”, ressalta.

Com uma atuação de gala no último jogo, Xuxa distribuiu quatro assistências em 30 minutos de quadra, além de 23 jogadas desarmadas pelo ala tricolor, mas para ele, o que conta são os títulos, garante. “Eu prefiro títulos, seja contribuindo com assistências ou gols. A Recopa foi especial, em termos de qualidade de jogo, foi muito bom. Para mim, o mais importante é o time funcionar bem”, finaliza.

O Tricolor enfrenta o estreante que ainda não entrou em quadra na Liga Nacional. O debute do Juventude, que é de Dourados (MS) será no Sesc. Com o Centreventos Cau Hansen reservado para atletas da patinação, o JEC/Krona mandará o jogo no Sesc, como já acontece normalmente em datas que a casa oficial está ocupada.

Participe do grupo e receba as principais notícias
do esporte de Santa Catarina e do Brasil na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Futsal

Loading...