JEC/Krona estreia com o “pé esquerdo” e vence o Foz Cataratas na Liga Nacional

Tricolor viajou até o Paraná e com gols de Renatinho e Machado começou a luta pelo bi da LNF com vitória

Demorou, mas enfim o primeiro jogo do JEC/Krona na temporada saiu. E saiu com direito a vitória para matar a saudade do torcedor tricolor. A estreia na Liga Nacional na noite desta terça-feira (1º) foi com o pé direito, mas quem fez a festa foram os canhotos, e a equipe volta do Paraná com três pontos na bagagem.

Encarando o Foz Cataratas, em Foz do Iguaçu, o Joinville foi um visitante indigesto e com gols de Renatinho e Machado, trouxe a vitória por 2 a 0 para casa.

Dieguinho participou dos dois gols do JEC/Krona na vitória diante do Foz Cataratas – Foto: Juliano Schmidt/JEC/Krona

O Tricolor não se fez de rogado nas terras paranaenses e começou ditando o ritmo de jogo, muito pelo posicionamento defensivo do Foz, que atrasou a linha de marcação para a quadra adversária.

Não demorou muito para que os donos da casa entendessem o recado da pressão joinvilense e mudassem a tática de defesa. Com a mudança de quinteto, o Foz subiu a marcação, equilibrou a partida, criou e obrigou Willian a fazer boas defesas.

O balde de água fria veio aos 9 minutos. Em bela jogada envolvendo o time inteiro, Andrei pegou a bola na ala direita, atravessou para Caio na esquerda que entregou para Dieguinho. O camisa 89 fez a clássica jogada de pivô, pisou e soltou de calcanhar para Caio que atravessou em belo passe para Renatinho. Chute cruzado, de primeira, no canto direito de João Paulo e gol do JEC. O primeiro de Renatinho com a camisa tricolor.

O Joinville ainda teve a chance de ampliar com Xuxa, que recebeu belo passe de Leco, mas carimbou o travessão do Foz.

Os donos da casa equilibraram o jogo e Daniel Feitosa ainda tentou empatar com uma bicicleta, mas a bola passou ao lado do gol de Willian.

Precisando empatar a partida, o Foz voltou para o segundo tempo com força total e pressionando o Joinville, mas a vontade não foi traduzida em qualidade e poucas chances de gol foram criadas. Sem alternativa, o time paranaense lançou o goleiro-linha, mas a tática não apenas não funcionou como surtiu o efeito contrário.

Aos 17 minutos, Igor Carioca fez belo lançamento da quadra de defesa no pé de Dieguinho na ala esquerda. O pivô rolou para o meio e Machado, sem dó, chegou batendo de esquerda, para sacramentar a vitória tricolor.

O Foz ainda teve a chance de descontar nos segundos finais. Daniel Feitosa deixou Sacon de frente para Willian, mas o camisa 20 chutou para fora.

O JEC/Krona volta à quadra no próximo sábado (5), às 13h15, quando enfrenta o Carlos Barbosa, no Rio Grande do Sul.

+

Futsal