JEC/Krona vence na prorrogação e carimba vaga à semifinal da Liga Nacional

Tricolor perdeu para o Pato no tempo normal e, com muita emoção, garantiu a classificação no tempo extra

Com emoção, muita emoção. O Centreventos Cau Hansen continua sendo o talismã das vitórias do JEC/Krona, mas na tarde desta terça-feira (24), foi com muita emoção. O Tricolor perdeu para o Pato por 3 a 2 no tempo normal e, na prorrogação, garantiu a classificação no segundo tempo, à semifinal da Liga Nacional de Futsal.

Machado fez o primeiro gol da prorrogação e encaminhou a classificação tricolor – Foto: Juliano Schmidt/JEC/KronaMachado fez o primeiro gol da prorrogação e encaminhou a classificação tricolor – Foto: Juliano Schmidt/JEC/Krona

Em um jogo nervoso, de muita marcação, provocação e gols, o Tricolor contou com gols de dois fixos para avançar. No tempo normal, gols de Genaro e Rodriguinho, na prorrogação, Machado e Leco carimbaram o passagem do Joinville para as semifinais.

Jogando em casa, o JEC/Krona começou a partida com todas as características que já são parte do time. Bem postado na marcação e trabalhando a bola de pé em pé, não demorou mais do que um minuto para o Tricolor abrir o placar.

Com o Pato apertando a marcação e o Joinville girando e tocando a bola, Genaro saiu da ala esquerda, avançou puxando a bola para o meio, girou em cima da marcação e chutou firme para abrir o placar antes mesmo do segundo minuto de bola rolando.

O Tricolor continuou trabalhando muito bem a bola e ditando o ritmo de jogo, se movimentando e recuperando muito bem as bolas ao forçar as jogadas do Pato. Dois minutos depois de marcar, Genaro ainda meteu uma bola na trave após cobrança de escanteio. A trave do goleiro paranaense seria muito castigada na primeira etapa.

Trabalhando na marcação, o JEC/Krona conseguia quebrar a marcação dos visitantes e encontrar espaço entre as linhas. Já o Pato, tentava forçar e pressionar a saída de bola, mas quando encontrava algum espaço na defesa joinvilense, parava em Willian. Aos 8, nova bola na trave, dessa vez, em chute forte de Xuxa, que explodiu no travessão.

Quando pressionado na quadra de defesa, o Joinville mostrava uma ótima postura defensiva e conseguia forçar o erro do atual bicampeão. Aos 17, mais uma bola na trave. Dieguinho recebeu no pivô, girou e acertou, mais uma vez, o poste do time paranaense.

Com apenas 35 segundos no cronômetro antes do intervalo, o Pato avançou pela ala esquerda e conseguiu colocar a bola na área tricolor, Machado se jogou para tirar, mas acabou colocando a mão na bola e o árbitro não deixou passar e apontou a marca do pênalti. Na cobrança, Valença encheu o pé para empatar a partida.

O segundo tempo começou muito mais equilibrado. A completa superioridade tricolor da primeira etapa se transformou em um jogo “lá e cá”, com o JEC/Krona apostando na troca de passes para quebrar as linhas de marcação e o Pato tendo a transição rápida e a pressão na saída de bola como armas para tentar a virada.

Leco carimbou a classificação tricolor para as semifinais – Foto: Juliano Schmidt/JEC/KronaLeco carimbou a classificação tricolor para as semifinais – Foto: Juliano Schmidt/JEC/Krona

Ao contrário dos 20 primeiros minutos, o goleiro Willian precisou brilhar no segundo tempo, segurando o ímpeto paranaense. Com as duas equipes mais agressivas e trabalhando com muita velocidade, as chances apareceram dos dois lados.

Precisando da vitória para empurrar a decisão para a prorrogação, o time paranaense perdeu o controle e foi para cima dos jogadores do Joinville. O árbitro precisou tirar o amarelo do bolso para acalmar os ânimos.

Aos 11, gol tricolor. Rodriguinho saiu da quadra de defesa e avançou pela ala esquerda sozinho, puxando toda a marcação. O goleiro Ramon saiu nos pés do camisa 11 que, com o gol vazio, tocou na saída do arqueiro paranaense. A bola rolou caprichosamente e devagar para balançar a rede e colocar o JEC/Krona em vantagem no placar.

A alternativa do Pato para buscar o resultado foi lançar o goleiro linha. E a tática funcionou. Um minuto depois de Valença entrar com a função de deixar a equipe paranaense com mais poder ofensivo, a troca de passes na quadra de defesa sobrou nos pés de Peri que, aos 13, chutou firme e rasteiro para empatar igualar o placar.

Aos 17, o Pato ficou à frente no placar pela primeira vez na partida. Ainda trabalhando com cinco jogadores na quadra de ataque, a bola sobrou para Valença, dentro da área. O camisa 2 chutou no meio da bagunça para colocar a equipe paranaense em vantagem.

O técnico Daniel Jr. usou a mesma tática aos 18 minutos, lançando Renatinho como goleiro linha para tentar empatar a partida e evitar a prorrogação, mas o plano não deu certo e a vitória parcial do Pato levou a partida para o tempo extra.

Machado e Leco garantem a classificação

Muita tensão no tempo extra, o Pato tentava inflamar o jogo indo para cima dos jogadores tricolores e o árbitro precisou intervir mais de uma vez para evitar confusão no Centreventos.

Precisando do resultado para avançar, as duas equipes intensificaram a marcação e o Pato apostou, mais uma vez, no goleiro linha. O JEC/Krona se viu contra a parede ainda no final do primeiro tempo da prorrogação, quando estourou em faltas.

O gol veio no primeiro minuto do segundo tempo de prorrogação. Dieguinho avançou pela esquerda, puxou a marcação e o goleiro e viu Machado entrando livre. O camisa 89 tocou e o fixo encheu o pé para balançar a rede.

O Pato pressionou, deixou cinco jogadores no ataque, mas o Tricolor se fechou para evitar o empate. Com 12 segundos no cronômetro, Leco sacramentou a vitória e a classificação. O JEC/Krona recuperou na quadra de defesa, o experiente camisa 8 ganhou a frente e tocou para o gol vazio, selando a vaga nas semifinais.

Agora, o Tricolor aguarda a definição do adversário, que sai do confronto entre Corinthians e Carlos Barbosa, marcado para o quarta (2), às 18h30.

Participe do grupo e receba as principais notícias
do esporte de Santa Catarina e do Brasil na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Futsal

Loading...