ABBA, funerária e chinelo: relembre patrocínios bizarros da Fórmula 1

Relembre patrocínios bizarros da Fórmula 1 - Entre 1976 e 1977 a equipe Hesketh Racing exibiu em seus carros a garota que era símbolo da revista Penthouse, concorrente da Playboy nos Estados Unidos e Inglaterra - Foto: Ben Sutherland on Visualhunt.com / CC BY - Foto: Ben Sutherland on Visualhunt.com / CC BY/Garagem 360/ND

Entre 1976 e 1977 a equipe Hesketh Racing exibiu em seus carros a garota que era símbolo da revista Penthouse, concorrente da Playboy nos Estados Unidos e Inglaterra - Foto: Lav Ulv on Visualhunt / CC BY - Foto: Lav Ulv on Visualhunt / CC BY/Garagem 360/ND

Por mais que Durex seja associado à fita adesiva no Brasil, a marca é mais conhecida no exterior pela fabricação de preservativos, tendo patrocinado a Surtess em 1976 - Foto: Gillfoto on Visual hunt / CC BY-NC-SA - Foto: Gillfoto on Visual hunt / CC BY-NC-SA/Garagem 360/ND

Por mais que Durex seja associado à fita adesiva no Brasil, a marca é mais conhecida no exterior pela fabricação de preservativos, tendo patrocinado a Surtess em 1976 - Foto: Dave Hamster on VisualHunt.com / CC BY - Foto: Dave Hamster on VisualHunt.com / CC BY/Garagem 360/ND

A equipe Merzario teve uma grande ideia em 1979 e fechou o patrocínio com uma funerária. Isso em uma das épocas mais perigosas da F1 - Foto: Reprodução/Pinterest - Foto: Reprodução/Pinterest/Garagem 360/ND

Em 1981, Slim Borgudd, baterista da banda ABBA, conseguiu uma vaga de piloto na equipe ATS. Por conta disso, estampou o nome do conjunto na lataria de seu bólido - Foto: Reprodução/Pinterest - Foto: Reprodução/Pinterest/Garagem 360/ND

A Fórmula 1 visitou o leste europeu pela primeira vez apenas em 1986, para o primeiro GP da Hungria. Na época, a equipe Zakspeed era patrocinada pela West, que nada mais é que oeste em inglês. Como homenagem, a marca escreveu East (leste) em um dos carros da equipe - Foto: DonDahlmann on Visualhunt.com / CC BY-NC-ND - Foto: DonDahlmann on Visualhunt.com / CC BY-NC-ND/Garagem 360/ND

No começo dos anos 1990, a Sega lançou seu principal mascote, o Sonic. Por ser o ouriço mais rápido do mundo, nada mais justo que colocá-lo para "acelerar" o melhor carro da época, o Williams FW15C de 1993, que deu o quarto título mundial para Alain Prost - Foto: Karting Nord on Visualhunt / CC BY-SA - Foto: Karting Nord on Visualhunt / CC BY-SA/Garagem 360/ND

No começo dos anos 1990, a Sega lançou seu principal mascote, o Sonic. Por ser o ouriço mais rápido do mundo, nada mais justo que colocá-lo para "acelerar" o melhor carro da época, o Williams FW15C de 1993, que deu o quarto título mundial para Alain Prost - - /Garagem 360/ND

A Simtek foi uma equipe pequena que durou pouco, mas que ficou marcada pela morte de Roland Ratzenberger no GP de Ímola de 1994. Porém, a escuderia também teve alguns patrocínios diferentes. O restaurante Fogo de Chão exibiu sua marca na asa traseira durante o GP Brasil. Tudo para bancar a comida da equipe. Já a saudosa MTV era a principal patrocinadora do time - Foto: Karting Nord on Visualhunt / CC BY-SA - Foto: Karting Nord on Visualhunt / CC BY-SA/Garagem 360/ND

A Simtek foi uma equipe pequena que durou pouco, mas que ficou marcada pela morte de Roland Ratzenberger no GP de Ímola de 1994. Porém, a escuderia também teve alguns patrocínios diferentes. O restaurante Fogo de Chão exibiu sua marca na asa traseira durante o GP Brasil. Tudo para bancar a comida da equipe. Já a saudosa MTV era a principal patrocinadora do time - Foto: Karting Nord on Visual Hunt / CC BY-SA - Foto: Karting Nord on Visual Hunt / CC BY-SA/Garagem 360/ND

Já distante de seu passado vitorioso, a Tyrrel exibiu a marca do seriado Xena: a Princesa Guerreira em 1997. - Foto: Reprodução/Pinterest - Foto: Reprodução/Pinterest/Garagem 360/ND

Em 1998 e 1999 a Williams levou o personagem Pica-Pau no bico de seus carros - Foto: Duncan Stephen on Visual hunt / CC BY-NC - Foto: Duncan Stephen on Visual hunt / CC BY-NC/Garagem 360/ND

Em 1998 e 1999 a Williams levou o personagem Pica-Pau no bico de seus carros - Foto: danishevskiy on Visual Hunt / CC BY-SA - Foto: danishevskiy on Visual Hunt / CC BY-SA/Garagem 360/ND

A BAR entrou para a F1 em 1999. Por ser de uma empresa tabagista, sua ideia era exibir uma marca de cigarro em cada carro. Quem não gostou da ideia foi a FIA, que frustou os planos da equipe. Sendo assim, eles tiveram uma ideia ainda mais criativa - Foto: Reprodução/Pinterest - Foto: Reprodução/Pinterest/Garagem 360/ND

A solução foi pintar cada metade dos carros com uma marca. Se o resultado estético não foi o melhor, ao menos eles pensaram fora da caixinha - Foto: *Red~Cyan* (Pro- 2.4 Million+ Views- Thanks all!) on Visual Hunt / CC BY-NC-ND - Foto: *Red~Cyan* (Pro- 2.4 Million+ Views- Thanks all!) on Visual Hunt / CC BY-NC-ND/Garagem 360/ND

A solução foi pintar cada metade dos carros com uma marca. Se o resultado estético não foi o melhor, ao menos eles pensaram fora da caixinha - Foto: *Red~Cyan* (Pro- 2.4 Million+ Views- Thanks all!) on Visual hunt / CC BY-NC-ND - Foto: *Red~Cyan* (Pro- 2.4 Million+ Views- Thanks all!) on Visual hunt / CC BY-NC-ND/Garagem 360/ND

No último ano de existência da Jaguar, a equipe exibiu um patrocínio do filme 12 Homens e Outro Segredo durante o GP de Mônaco de 2004. O problema é que alguém achou que era uma boa ideia colocar um diamante de US$ 200 mil no bico de um dos carros da equipe. Na corrida, o bólido estampou o muro e a joia se perdeu para sempre - Foto: Reprodução/Pinterest - Foto: Reprodução/Pinterest/Garagem 360/ND

No último ano de existência da Jaguar, a equipe exibiu um patrocinio do filme 12 Homens e Outro Segredo durante o GP de Mônaco de 2004. O problema é que alguém achou que era uma boa ideia colocar um diamante de US$ 200 mil no bico de um dos carros da equipe. Na corrida, o bólido estampou o muro e a joia se perdeu para sempre - Foto: Reprodução/Pinterest - Foto: Reprodução/Pinterest/Garagem 360/ND

Um ano depois, em 2005, a Red Bull já havia comprado a Jaguar, porém a equipe contou com o patrocínio do filme Star Wars: Episódio III - a vingança dos Siht. Até os mecânicos precisaram entrar na onda e se vestiram como stormtroopers - Foto: Reprodução/Pinterest - Foto: Reprodução/Pinterest/Garagem 360/ND

Um ano depois, em 2005, a Red Bull já havia comprado a Jaguar, porém a equipe contou com o patrocínio do filme Star Wars: Episódio III - a vingança dos Siht. Até os mecânicos precisaram entrar na onda e se vestiram como stormtroopers - Foto: Reprodução/Pinterest - Foto: Reprodução/Pinterest/Garagem 360/ND

Últimas notícias