De Tarantino e Scorsese ao coreano Bong Joon-ho, confira quem disputa o Oscar 2020

Ford vs Ferrari: O filme, com direção de James Mangold, se passa na década de 1960, quando a Ford resolve entrar no ramo das corridas para ganhar o prestígio e o glamour da concorrente Ferrari, líder isolada em várias corridas. - Foto: Reprodução/Redes Sociais/ND

Ford vs Ferrari: O filme, com direção de James Mangold, se passa na década de 1960, quando a Ford resolve entrar no ramo das corridas para ganhar o prestígio e o glamour da concorrente Ferrari, líder isolada em várias corridas. - Foto: Reprodução/Redes Sociais/ND

Para isso, contrata o ex-piloto Carroll Shelby (Matt Damon) para chefiar a empreitada. Por mais que tenha carta branca para montar sua equipe, incluindo o piloto e engenheiro Ken Miles (Christian Bale), Shelby enfrenta problemas com os diretores da Ford, que pensavam muito mais nos negócios e na imagem da empresa do que no aspecto esportivo. - Foto: Reprodução/Redes Sociais/ND

Para isso, contrata o ex-piloto Carroll Shelby (Matt Damon) para chefiar a empreitada. Por mais que tenha carta branca para montar sua equipe, incluindo o piloto e engenheiro Ken Miles (Christian Bale), Shelby enfrenta problemas com os diretores da Ford, que pensavam muito mais nos negócios e na imagem da empresa do que no aspecto esportivo. - Foto: Reprodução/Redes Sociais/ND

"O Irlandês", de Martins Scorsese. O épico de quase quatro horas de duração é o reencontro do diretor com os “filmes de gângster”, sub-gênero do qual é um expoente. Com Roberto de Niro, Al Pacino e Joe Pesci no elenco, era favorito até o fim do ano passado, mas viu suas chances caírem consideravelmente e, mesmo com dez indicações, pode sair de mãos vazias. - Foto: Reprodução/Redes Sociais/ND

"O Irlandês", de Martins Scorsese. O épico de quase quatro horas de duração é o reencontro do diretor com os “filmes de gângster”, sub-gênero do qual é um expoente. Com Roberto de Niro, Al Pacino e Joe Pesci no elenco, era favorito até o fim do ano passado, mas viu suas chances caírem consideravelmente e, mesmo com dez indicações, pode sair de mãos vazias. - Foto: Reprodução/Redes Sociais/ND

Promovido à líder sindical, ele passa a ser o principal suspeito quando o mais famoso ex-presidente da associação desaparece de forma misteriosa. - Foto: Reprodução/Redes Sociais/ND

Promovido à líder sindical, ele passa a ser o principal suspeito quando o mais famoso ex-presidente da associação desaparece de forma misteriosa. - Foto: Reprodução/Redes Sociais/ND

JoJo Rabbit: O filme traz como cenário a Segunda Guerra Mundial. Na Alemanha em meio ao conflito militar, Jojo (Roman Griffin Davis) é um jovem nazista de 10 anos, que trata Adolf Hitler (Taika Waititi) como um amigo próximo, em sua imaginação. Seu maior sonho é participar da Juventude Hitlerista, um grupo pró-nazista composto por outras pessoas que concordam com os seus ideais. - Foto: Reprodução/Redes Sociais/ND

JoJo Rabbit: O filme traz como cenário a Segunda Guerra Mundial. Na Alemanha em meio ao conflito militar, Jojo (Roman Griffin Davis) é um jovem nazista de 10 anos, que trata Adolf Hitler (Taika Waititi) como um amigo próximo, em sua imaginação. Seu maior sonho é participar da Juventude Hitlerista, um grupo pró-nazista composto por outras pessoas que concordam com os seus ideais. - Foto: Reprodução/Redes Sociais/ND

Certo dia, Jojo descobre que a mãe (Scarlett Johansson) está escondendo uma judia (Thomasin McKenzie) no sótão de casa. Depois de várias tentativas frustradas para expulsá-la, o jovem rebelde começa a desenvolver empatia pela nova hóspede. A produção tem direção de Taika Waititi. - Foto: Reprodução/Redes Sociais/ND

Certo dia, Jojo descobre que a mãe (Scarlett Johansson) está escondendo uma judia (Thomasin McKenzie) no sótão de casa. Depois de várias tentativas frustradas para expulsá-la, o jovem rebelde começa a desenvolver empatia pela nova hóspede. A produção tem direção de Taika Waititi. - Foto: Reprodução/Redes Sociais/ND

Coringa: Um dos personagens mais clássicos do cinema mudial desta vez é vivido pelo ator Joaquin Phoenix. Arthur Fleck trabalha como palhaço para uma agência de talentos e, toda semana, precisa comparecer a uma agente social, devido aos seus conhecidos problemas mentais. Após ser demitido, Fleck reage mal à gozação de três homens em pleno metrô e os mata. - Foto: Reprodução/Redes Sociais/ND

Coringa: Um dos personagens mais clássicos do cinema mudial desta vez é vivido pelo ator Joaquin Phoenix. Arthur Fleck trabalha como palhaço para uma agência de talentos e, toda semana, precisa comparecer a uma agente social, devido aos seus conhecidos problemas mentais. Após ser demitido, Fleck reage mal à gozação de três homens em pleno metrô e os mata. - Foto: Reprodução/Redes Sociais/ND

Os assassinatos iniciam um movimento popular contra a elite de Gotham City, da qual Thomas Wayne (Brett Cullen) é seu maior representante. Todd Philips, conhecido por dirigir o sucesso “Se beber, Não case!”, assina a direção da produção. - Foto: Reprodução/Redes Sociais/ND

Os assassinatos iniciam um movimento popular contra a elite de Gotham City, da qual Thomas Wayne (Brett Cullen) é seu maior representante. Todd Philips, conhecido por dirigir o sucesso “Se beber, Não case!”, assina a direção da produção. - Foto: Reprodução/Redes Sociais/ND

"Adoráveis Mulheres", de Greta Gerwig. Oitava adaptação do clássico romance de Louisa May Alcott, tem na força do elenco feminino seu principal trunfo, apesar das chances pequenas de conseguir algum prêmio fora das categorias técnicas. Tem seis indicações, incluindo de Melhor Atriz para Saoirse Ronan. - Foto: Reprodução/Redes Sociais/ND

"Adoráveis Mulheres", de Greta Gerwig. Oitava adaptação do clássico romance de Louisa May Alcott, tem na força do elenco feminino seu principal trunfo, apesar das chances pequenas de conseguir algum prêmio fora das categorias técnicas. Tem seis indicações, incluindo de Melhor Atriz para Saoirse Ronan. - Foto: Reprodução/Redes Sociais/ND

História de um Casamento, de Noah Baumbach: Os atores Scarlett Johansson e Adam Driver estrelam o drama da Netflix. Na trama, Nicole (Scarlett Johansson) e seu marido Charlie (Adam Driver) estão passando por muitos problemas e decidem se divorciar. - Foto: Reprodução/Redes Sociais/ND

História de um Casamento, de Noah Baumbach: Os atores Scarlett Johansson e Adam Driver estrelam o drama da Netflix. Na trama, Nicole (Scarlett Johansson) e seu marido Charlie (Adam Driver) estão passando por muitos problemas e decidem se divorciar. - Foto: Reprodução/Redes Sociais/ND

Os dois concordam em não contratar advogados para tratar do divórcio, mas Nicole muda de ideia após receber a indicação de Nora Fanshaw (Laura Dern), especialista no assunto. Surpreso com a decisão da agora ex-esposa, Charlie precisa encontrar um advogado para tratar da custódia do filho deles, o pequeno Henry (Azhy Robertson). - Foto: Reprodução/Redes Sociais/ND

Os dois concordam em não contratar advogados para tratar do divórcio, mas Nicole muda de ideia após receber a indicação de Nora Fanshaw (Laura Dern), especialista no assunto. Surpreso com a decisão da agora ex-esposa, Charlie precisa encontrar um advogado para tratar da custódia do filho deles, o pequeno Henry (Azhy Robertson). - Foto: Reprodução/Redes Sociais/ND

1917: O diretor britânico Sam Mendes, de “Beleza Americana” investe em um drama de guerra. Os cabos Schofield (George MacKay) e Blake (Dean-Charles Chapman) são jovens soldados britânicos durante a Primeira Guerra Mundial. - Foto: Reprodução/Redes Sociais/ND

1917: O diretor britânico Sam Mendes, de “Beleza Americana” investe em um drama de guerra. Os cabos Schofield (George MacKay) e Blake (Dean-Charles Chapman) são jovens soldados britânicos durante a Primeira Guerra Mundial. - Foto: Reprodução/Redes Sociais/ND

Quando eles são encarregados de uma missão aparentemente impossível, os dois precisam atravessar território inimigo, lutando contra o tempo, para entregar uma mensagem que pode salvar seus colegas de batalhão. - Foto: Reprodução/Redes Sociais/ND

Quando eles são encarregados de uma missão aparentemente impossível, os dois precisam atravessar território inimigo, lutando contra o tempo, para entregar uma mensagem que pode salvar seus colegas de batalhão. - Foto: Reprodução/Redes Sociais/ND

Era Uma Vez em… Hollywood: O diretor Quentin Tarantino traz Leonardo DiCaprio, Brad Pitt, Margot Robbie para viver uma comédia na Los Angeles de 1969. Rick Dalton (Leonardo DiCaprio) é um ator de TV que, juntamente com seu dublê, está decidido a fazer o nome em Hollywood. - Foto: Reprodução/Redes Sociais/ND

Era Uma Vez em… Hollywood: O diretor Quentin Tarantino traz Leonardo DiCaprio, Brad Pitt, Margot Robbie para viver uma comédia na Los Angeles de 1969. Rick Dalton (Leonardo DiCaprio) é um ator de TV que, juntamente com seu dublê, está decidido a fazer o nome em Hollywood. - Foto: Reprodução/Redes Sociais/ND

Para tanto, ele conhece muitas pessoas influentes na indústria cinematográfica, o que os acaba levando aos assassinatos realizados por Charles Manson na época, entre eles o da atriz Sharon Tate (Margot Robbie), que na época estava grávida do diretor Roman Polanski (Rafal Zawierucha). - Foto: Reprodução/Redes Sociais/ND

Para tanto, ele conhece muitas pessoas influentes na indústria cinematográfica, o que os acaba levando aos assassinatos realizados por Charles Manson na época, entre eles o da atriz Sharon Tate (Margot Robbie), que na época estava grávida do diretor Roman Polanski (Rafal Zawierucha). - Foto: Reprodução/Redes Sociais/ND

"Parasita", de Bon Joon Ho. Praticamente certo como Melhor Filme de Língua Estrangeira, o longa-metragem sul-coreano liderou várias listas de melhores de 2019 e ganhou a Palma de Ouro em Cannes, sendo efetivamente a ameaça mais forte a “1917”. Com seis indicações, incluindo de Melhor Diretor, deve fazer história nessa edição do Oscar. - Foto: Reprodução/Redes Sociais/ND

"Parasita", de Bon Joon Ho. Praticamente certo como Melhor Filme de Língua Estrangeira, o longa-metragem sul-coreano liderou várias listas de melhores de 2019 e ganhou a Palma de Ouro em Cannes, sendo efetivamente a ameaça mais forte a “1917”. Com seis indicações, incluindo de Melhor Diretor, deve fazer história nessa edição do Oscar. - Foto: Reprodução/Redes Sociais/ND

Fascinados com a vida luxuosa destas pessoas, pai, mãe, filho e filha bolam um plano para se infiltrarem também na família burguesa, um a um. No entanto, os segredos e mentiras necessários à ascensão social custarão caro a todos. - Foto: Reprodução/Redes Sociais/ND

Fascinados com a vida luxuosa destas pessoas, pai, mãe, filho e filha bolam um plano para se infiltrarem também na família burguesa, um a um. No entanto, os segredos e mentiras necessários à ascensão social custarão caro a todos. - Foto: Reprodução/Redes Sociais/ND

Últimas notícias