Caso Neymar: relembre casos de jogadores envolvidos em escândalos

Neymar é acusado pela modelo Najila Trindade de agressão e estupro. Os dois se encontraram em Paris, em maio deste ano. O caso tem sido destaque nos principais veículos de comunicação. - Reprodução

Lionel Messi e seu pai foram condenados a 21 meses de prisão por fraude fiscal. O jogador, no entanto, evitou a prisão pagando multa. Messi seria um dos responsáveis por uma fraude de 4 milhões de euros (cerca de R$ 15 milhões), por ter obtido lucro ao simular acordos de direitos de imagem para empresas de fachada - ESTADÃO CONTEÚDO/ND

Vagner Love foi flagrado em março de 2010 num baile, na Favela da Rocinha, na Zona Sul do Rio. Apareceu escoltado por traficantes armados. Teve que prestar depoimento na Polícia - ESTADÃO CONTEÚDO/ND

Atualmente técnico do São Paulo, Cuca chegou a ser preso acusado de estupro quando era jogador do Grêmio. A prisão ocorreu na Suíça e o agora treinador ficou um mês detido pela Justiça local - Ivan Storti

O zagueiro Breno, atualmente no Vasco, cumpriu pena na Alemanha por ter provocado incêndio na própria casa, em 2011. Na época, ele defendia o Bayern de Munique. Foi condenado a três anos e nove meses de prisão - Divulgação Vasco da Gama

Jogador que se destacou no Vasco, Flamengo e Seleção Brasileira, Edmundo também colecionou manchetes. Numa delas, em 1995, destacou a tragédia num acidente automobilístico. Após sair de um bar, bateu e capotou seu carro, causando três mortes, inclusive a de uma menor, que estava em seu carro. - Figueirense 90 anos de paixão/reprodução

Goleiro Bruno aparece no Instagram (Foto: Reprodução / Instagram) - Reprodução

Emerson Sheik foi acusado e julgado por contrabando e lavagem de dinheiro. Ele comprou uma BMW de uma empresa envolvida em um esquema de importação ilegal - Divulgação Corinthians

Últimas notícias