120 km de rede de esgoto foram concluídos em Tubarão (SC)

Tubarão Saneamentos tem previsão de instalação da rede em todo o perímetro urbano do município

Tubarão expande sua rede de esgoto para atender melhor as necessidades básicas de seus moradores  – Foto: Divulgação/Tubarão SaneamentosTubarão expande sua rede de esgoto para atender melhor as necessidades básicas de seus moradores  – Foto: Divulgação/Tubarão Saneamentos

É direito de todos e um dever público acessibilidade ao saneamento básico. Que tem como princípio a qualidade de vida e o desenvolvimento de uma sociedade. Trata-se de um conjunto de serviços que são fundamentais e influenciam diretamente na saúde e no crescimento de uma população e de uma cidade.

Tratamento e abastecimento de água, limpeza urbana e resíduos sólidos, drenagem de águas pluviais e esgotamento sanitário são os pilares do saneamento básico.

Um estudo publicado pelo Instituto Trata Brasil, estima que entre as 100 melhores cidades do País, 10 desta lista possuem os melhores índices de água e esgoto e também são as que menos têm índices de doenças relacionadas à contaminação por água e esgoto não tratados, uma vez que o contato com esgoto e o consumo de água sem tratamento estão diretamente ligados às altas taxas de mortalidade infantil.

Tratamento de água e esgoto impacta diretamente no bem-estar do cidadão – Foto: Divulgação/Tubarão SaneamentosTratamento de água e esgoto impacta diretamente no bem-estar do cidadão – Foto: Divulgação/Tubarão Saneamentos

Desde 2012 a cidade de Tubarão, em Santa Catarina, conta com a concessionária Tubarão Saneamento, para implantar e operar dois desses serviços. O serviço de tratamento de água, e, de lá pra cá, obras de tratamento de esgoto, que continuam avançando.

Desde 2018, iniciou-se a implantação do sistema de esgotamento sanitário de Tubarão. Foi um ano e meio de obra até a primeira etapa da Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) ficar pronta. As obras não param, apesar da ETE ser uma estação modular, executada em etapas.

Na cidade, são pelo menos 44 mil unidades consumidoras com água tratada, e 410 litros de água são tratados por segundo. Quanto à rede de esgoto, até então, já foram implantados 120 km de rede coletora no perímetro urbano da Cidade Azul, o que corresponde a 25% do esgoto tratado.

Aproximadamente 415 litros de esgoto são tratados por hora, e deixam de ir para o rio Tubarão, contribuindo, assim, para o meio ambiente. Além do tratamento de, são feitas até 230 análises a partir do material bruto que chega na estação.

A meta, segundo a concessionária, é implantar a rede nos 530 km do perímetro urbano da cidade e, assim, promover mais qualidade de vida para a população.

“As pessoas faltam menos ao trabalho porque os filhos ficam menos doentes e faltam menos à escola. Existem estudos que mostram que os salários são melhores em cidades com saneamento básico. Há maior probabilidade de empregos na cidade. As pessoas ficam mais produtivas e mais felizes”, comentou Leonardo Schmitz de Figueiredo, coordenador de investimentos da Tubarão Saneamento.

No município, 27,4 mil pessoas já têm acesso à rede de esgoto, o que corresponde a 7 mil famílias beneficiadas com o tratamento. E à medida em que esses números crescem, a Cidade Azul fica mais atrativa, principalmente para novos moradores e investidores, que enxergam, em cidades com saneamento básico, oportunidades de crescimento e bem-estar.

O saneamento básico é reconhecido pela Organização das Nações Unidas (ONU) como fundamental para o resgate da dignidade humana, além de estar relacionado diretamente ao desenvolvimento urbano e sustentável de uma determinada região.

Portanto, ter uma estação de tratamento na cidade, um sistema de coleta e afastamento traz inovação, qualidade de vida e novos investimentos. Um dos primeiros pontos pautados a quem procura uma cidade para morar e investir.“Sem dúvidas é um atrativo para o turismo e para a vida da comunidade”, disse o diretor da Tubarão Saneamento, Marcelo Fernandes Matos.

+

Tubarão valoriza

Loading...