Balneário Camboriú pode precisar de outra draga em 2040; entenda o motivo

Um dos engenheiros responsáveis pela obra explicou por que a manutenção é necessária, apesar da quantidade de areia ser menor do que a obra precisou

A Praia Central de Balneário Camboriú poderá passar por uma manutenção de reposição de areia em 20 anos, é o que explica Toni Fausto, engenheiro e fiscal municipal da obra. Para isso, outra draga, semelhante à Galileo Galilei, deve ser contratada pela prefeitura.

Toni explica que a manutenção está prevista para 2040, mas pode ser que só seja necessária em 40 anos, como a praia de Copacabana por exemplo. O tempo vai depender da evolução das condições da areia.

Draga Galileo Galilei deixa Balneário Camboriú – Foto: Secom BC/DivulgaçãoDraga Galileo Galilei deixa Balneário Camboriú – Foto: Secom BC/Divulgação

A draga, no entanto, será uma menor que a Galileo Galilei, por conta da quantidade de areia necessária, a manutenção será em alguns pontos específicos da praia.

Draga Galileo Galilei já se despediu de Balneário Camboriú

Com jatos de areia comemorativos a draga Galileo Galilei se despediu da praia Central de Balneário Camboriú neste domingo (31), depois de concluir sua missão em terras catarinenses. Agora, o equipamento deve passar um tempo em manutenção no Porto de Santos em São Paulo.

A manutenção será após a draga abastecer mais uma vez no Porto de Paranaguá, no Paraná, onde a draga já fez duas paradas obrigatórias de abastecimento para continuar o alargamento em Balneário Camboriú.

A Galileo Galilei foi construída em 2020, este foi o primeiro grande trabalho do equipamento, que veio do Oriente Médio, adquirido pela prefeitura através do consórcio vencedor da licitação, o DTA Engenharia Jan De Nul, especialistas neste tipo de obra.

A draga veio do Oriente Médio para Balneário Camboriú, a viagem durou 20 dias até Porto do Rio Grande, no Rio Grande do Sul, onde foi nacionalizada. Um procedimento feito pela Marinha do Brasil.

Curiosidades da draga Galileo Galilei

draga Galileo Galilei chegou em Balneário Camboriú no dia 22 de agosto e mudou a paisagem da praia Central já nas primeiras 24 horas. Neste período em que esteve em Balneário Camboriú, foram mais de 1,5 milhão de metros cúbicos de areia transportados do fundo do mar para a superfície.

O equipamento grandioso gerou muitas curiosidades entre moradores e turistas, a expectativa é que a obra fique pronta até o próximo dia 20 de novembro e transforme Balneário Camboriú na nova Copacabana catarinense.

Imagens impressionantes mostram a draga de Balneário Camboriú atuando em alto mar – Foto: Secom/DivulgaçãoImagens impressionantes mostram a draga de Balneário Camboriú atuando em alto mar – Foto: Secom/Divulgação

Tripulação

Apenas profissionais treinados e especializados são autorizados a entrar na draga. Para manter o equipamento funcionando 24 horas por dia são necessários 28 tripulantes especializados que nunca saem da draga.

Quanto custa a draga

De acordo com a prefeitura, não é possível mencionar quanto a draga custa porque a empresa vencedora do consórcio é que arca com o equipamento, no entanto, a draga foi contratado para trazer à superfície 2,155 milhões de metros cúbicos de areia, que será espalhado na praia.

Capacidade de transposição

A draga Galileo Galilei tem capacidade de 18 mil metros cúbicos de areia em sua cisterna, mas nesta obra de Balneário Camboriú, cada viagem trará de 10 a 12 mil metros cúbicos. A redução no volume de areia por viagem se faz necessária pela pouca profundidade da enseada. Pelos cálculos dos engenheiros, serão quatro descargas da draga por dia.

BC ao vivo

É possível acompanhar a obra de alargamento da faixa de areia ao vivo. Duas câmeras instaladas no eixo da FG Big Wheel mostram a obra 24 horas por dia a evolução dos trabalhos no Pontal Norte, onde está o canteiro de obras.

Participe do grupo e receba as principais notícias
de Itajaí e região na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Infraestrutura

Loading...