Diretor Joel Alves deixa SCPar Porto de São Francisco do Sul

Joel Alves estava como interino no Porto de São Francisco desde que a diretoria pediu exoneração; em seu lugar assumirá, também como interino, Rafael Palmares

Joel Alves, diretor administrativo da SCPar Holding e diretor interino na SCPar Porto de São Francisco do Sul, deixou o cargo no porto de SFS.

Ele assumiu interinamente o porto de SFS em 26 de maio deste ano, quatro dias depois que  a diretoria inteira pediu exoneração após denúncias de irregularidade nas nomeações levantadas pelo Grupo ND.

Joel Alves informou, nesta sexta-feira (10), que seu mandato como interino no Porto de São Francisco se encerrou e, por isso, pediu exoneração.

Ele permanece como diretor da Holding até que haja sua recondução ou não ao cargo. O fim dos mandatos dos diretores se encerra dia 31 de julho.

No lugar de Alves, assume como interino no Porto de SFS Rafael Palmares, outro diretor da Holding.

Segundo a SCPar, ainda não há definição dos nomes dos novos e definitivos presidente e diretor do Porto de São Francisco do Sul.

Joel Alves acumula R$ 26.589,68 como coronel da reserva; R$ 19.428,14 como diretor da SCPar Holding; além de 2.719,93 como conselheiro de Administração do Porto de Imbituba.

E, embora em ata de reunião da diretoria do dia 22/5/2020, o colegiado sugeriu acréscimo de 50% sobre a remuneração bruta paga pelo destino (porto) para diretor que acumular cargo em outra empresa do grupo, a Assembleia Geral (AGE) não aprovou, deliberando apenas que Conselho de Administração da Holding estude o caso para os eventos futuros.

Desta forma, Alves não recebeu os R$ 9.714,07 como interino do Porto de SFS. Seu contracheque hoje, portanto, soma R$ 48.736,00.

+

Infraestrutura