Florianópolis acelera obras da Beira-Mar Sul

Serviços de repavimentação e ciclovia; além da melhoria nas seis pistas, local será mais uma importante área para o exercício e lazer junto à natureza

Florianópolis investe em qualidade de vida, amplia as áreas de lazer e acelera obras de revitalização – Foto: Leonardo Sousa/PMFFlorianópolis investe em qualidade de vida, amplia as áreas de lazer e acelera obras de revitalização – Foto: Leonardo Sousa/PMF

Na correria do dia a dia, muitas vezes é difícil conseguir uma pausa para apreciar e aproveitar a natureza exuberante e o cenário extraordinário oferecido pela capital catarinense. Mas essa deveria ser uma prática recorrente para o bem estar e promoção da saúde, já que estar em contato com a natureza traz inúmeros benefícios ao organismo, como o alívio dos sintomas do estresse e depressão e produção e absorção da vitamina D. Estudos apontam ainda que o ambiente natural tem efeito anti-inflamatório e até melhora a visão.

Com o IDH (Índice de Desenvolvimento Humano) mais alto entre as capitais, brasileiras, de 0,847, segundo o Atlas de Desenvolvimento Humano do Brasil, Florianópolis investe em qualidade de vida, amplia as áreas de lazer e acelera as obras de revitalização urbanística e paisagística da rodovia Governador Aderbal Ramos da Silva (SC-401), para entregar, antes da temporada de verão, a Beira-Mar Sul, localizada entre o Saco dos Limões e a Costeira do Pirajubaé.

O projeto, além de garantir a repavimentação asfáltica da estrada, prevê a implantação de ciclovia, passeio, urbanização e iluminação de todo o trecho, o que garantirá, além da melhoria na mobilidade urbana do local, mais uma opção para o exercício físico e lazer em meio ao verde. De acordo com o secretário de Infraestrutura de Florianópolis, Valter Gallina, já foram concluídos 50% da pavimentação asfáltica do trecho, ou seja,  2,5 Km, dos 5 Km previstos, nas seis pistas.

O projeto prevê também a implantação de ciclovia, passeio, urbanização e iluminação de todo o trecho – Foto: Leonardo Sousa/PMFO projeto prevê também a implantação de ciclovia, passeio, urbanização e iluminação de todo o trecho – Foto: Leonardo Sousa/PMF

Também é realizada no momento a implantação da ciclovia, do passeio e do canteiro que ficam do lado esquerdo de quem se desloca do Centro para o Sul da Ilha e do lado direito de quem vem do Sul para o Centro. “Já fizemos a terraplanagem e agora estamos colocando a base para a ciclovia e o passeio, que serão bidirecionais. A previsão inicial era terminar os trabalhos no dia 28 de novembro, mas vamos antecipar essa conclusão em 30 ou 45 dias”, explica.

Será ainda urbanizado e iluminado todo o entorno do trecho revitalizado. Gallina reforça a importância dos serviços para a população de Florianópolis. “Em primeiro lugar, a obra vai aumentar a autoestima dos moradores da região, as melhorias vão integrar os moradores da Costeira e do Saco dos Limões, por meio dos passeios e da ciclovia. Também vai beneficiar os turistas, que quando chegam na cidade, no aeroporto, e se deslocam para o Centro ou para as praias já têm esse impacto visual. Por último, também vai garantir a segurança dos usuários da rodovia, já que as pistas estavam deterioradas e agora ficarão lindas, totalmente revitalizadas”, acrescenta.

Conheça o projeto

O canteiro será feito próximo ao trevo da Seta; os passeios terão rampas de acesso e piso tátil guia e alerta voltado a pessoas portadoras de necessidades especiais – Foto: Leonardo Sousa/PMFO canteiro será feito próximo ao trevo da Seta; os passeios terão rampas de acesso e piso tátil guia e alerta voltado a pessoas portadoras de necessidades especiais – Foto: Leonardo Sousa/PMF

A Prefeitura de Florianópolis assumiu provisoriamente a gestão da Via Expressa Sul uma vez que, embora ela seja uma rodovia estadual, o município obteve a concessão do governo do Estado para realizar uma série de serviços de infraestrutura.

Entre as obras previstas pelo projeto está o  restauro do pavimento asfáltico e a implantação de canteiro, ciclovia bidirecional (com duas faixas em sentidos contrários) e passeio (calçada) com acessibilidade do túnel Antonieta de Barros, no Saco dos Limões, até o trevo da Seta, na Costeira do Pirajubaé, ou seja, nos 5,2 quilômetros de extensão da Via Expressa Sul, que conta com duas pistas (mão dupla), e três faixas, cada, totalizando seis faixas, e cuja pavimentação asfáltica encontrava-se bastante deteriorada.

As três faixas por pista, aliás, vão possibilitar os trabalhos nas vias sem grandes alterações no trânsito. Durante as obras, haverá, apenas, interrupções de faixas, não sendo necessário o fechamento total das pistas e desvios de tráfego.

A ciclovia será feita de concreto armado, no lado esquerdo da rodovia, sentido Centro-Sul da Ilha, com conexões para outras duas importantes vias locais, a Avenida Professor Waldemar Vieira, no Saco dos Limões, e a Avenida Governador Jorge Lacerda, na Costeira.

Canteiro e passeios

Ainda sobre obras complementares, cabe destacar que o canteiro será feito próximo ao trevo da Seta; os passeios terão rampas de acesso e piso tátil guia e alerta voltado a pessoas portadoras de necessidades especiais, assim como guarda-corpo de aço galvanizado nos pontilhões sobre galerias e canais existentes, para garantir segurança e bem-estar aos transeuntes. Além de implantação de sistema de drenagem onde se fizer necessário, e sinalização viária. Além do que, a ciclovia e os passeios terão iluminação similar à da Beira-Mar Norte.

As obras estão sendo executadas pela empreiteira Planaterra Terraplanagem e Pavimentação Ltda., pelo prazo de oito meses.

Outros benefícios de estar em contato com a natureza

  • Melhora o desempenho e concentração;
  • Ajuda no relaxamento de todos os músculos;
  • Incentiva e melhora a busca pelo autoconhecimento;
  • Libera energias positivas e únicas que reciclam todas as outras;
  • Proporciona calma;
  • Estimula a curiosidade;
  • Entrega o sentimento de pertencimento;
  • Alivia sintomas do estresse e depressão;
  • Ajuda no desenvolvimento da imaginação;
  • Elimina o cansaço mental;
  • Ajuda no processo de cura;
  • Proporciona conexão com nossos mentores espirituais;
  • Produção e absorção da vitamina D;
  • Respiração Pura.

Para saber mais sobre essa e outras obras da Prefeitura de Florianópolis, acesse: www.pmf.sc.gov.br ou acompanhe nas redes sociais: Instagram | Facebook

Conforme determina a Lei Municipal nº 10.199, de 27 de março de 2017, a Prefeitura Municipal de Florianópolis informa que a produção deste conteúdo não teve custo, e sua veiculação custou R$2.000,00 reais neste portal

+

Prefeitura de Florianópolis

Loading...