Manutenção em adutora provoca falta de água no Sul de SC

Municípios de Criciúma, Forquilhinha, Içara, Maracajá, Nova Veneza e Siderópolis foram afetados; fornecimento volta gradualmente até esta quarta

Seis municípios do Sul de Santa Catarina passam por uma interrupção no abastecimento de água nesta terça-feira (16). Os trabalhos da Casan (Companhia Catarinense de Águas e Saneamento) iniciaram na madrugada.

A falta de água poderá ser sentida em Criciúma, Forquilhinha, Içara, Maracajá, Nova Veneza e Siderópolis. A orientação é para que a água seja priorizada em atividades essenciais até a regularização em todas as áreas.

Profissionais da Casan realizam manutenção em adutora de água, em CriciúmaCasan realiza manutenção em adutora de Criciúma – Foto: Divulgação/Casan/ND

A operação foi iniciada às 4h desta terça. Trata-se de uma manutenção da tubulação da adutora que transporta água bruta da Barragem do Rio São Bento até a Estação de Tratamento São Defende, em Criciúma.

Nas últimas semanas, a Casan identificou dois possíveis pontos de vazamento na adutora de fibra, ambos na altura da localidade Picadão, em Nova Veneza, próximo a obras de repavimentação.

Os trabalhos envolvem 16 profissionais e exigem a interrupção do fornecimento de água para todos os seis municípios atendidos pelo Sistema Integrado.

A meta da Casan é concluir os trabalhos por volta da meia-noite desta terça.

O fornecimento de água, no entanto, retorna de forma gradual, e deve se prolongar até quarta-feira (17). A estatal reforça o pedido de compreensão e colaboração dos moradores para que o uso da água seja apenas para atividades essenciais.

+

Infraestrutura